Home > Notícias

Analista considera “constrangedor” iWorks ler Open XML antes da Microsoft

Michael Gartenberg, da Jupiter Research, afirma que fato de Numbers, da Apple, ler OOXML prova incapacidade da MS manter prazos

Por Gregg Keizer, para o IDG Now!*

10/08/2007 às 18h17

Foto:

Michael Gartenberg, da Jupiter Research, afirma que fato de Numbers, da Apple, ler OOXML prova incapacidade da MS manter prazos

O lançamento do iWork 08, da Apple, registrou um momento constrangedor não para a Apple, mas para sua rival, a Microsoft, segundo avaliação do analista Michael Gartenberg, da JupiterResearch.

A nova versão do pacote de aplicativos da Apple, lançada nesta terça-feira (07/08) tem um novo programa de planilhas, chamado de Numbers, que se junta ao editor de textos Pages e o software de apresentações Keynote.

Mas foi a habilidade do Numbers de lidar com o formato Open XML - padrão nativo do pacote Office 2007, da Microsoft, que levou Gartenberg a atacar a Microsoft.

"Este foi a pior maneira de insultar encontrada", afirma ele. "A Microsoft não ofereceu a habilidade para ler e gravar documentos em Open XML no Mac Office, o que faz da Apple a única a ter tal ferramenta".

Gartenberg se referia aos problemas da Microsoft em desenvolver o Office 2008 para Mac, que a companhia anunciou na última semana que iria trasar até o meio de janeiro. Entre os problemas, está a mudança do formato nativo de arquivos do Office 2008 para o Open XML.

"Esta situação é constrangedora para a divisão de Macintosh da Microsoft", afirma Gartenberg."O grupo falou que a transição para chips Intel causou o problema, mas todas outras grandes fabricantes conseguiram portar seus aplicativos para a Intel".

Atualmente, usuários do Office 2004 podem abrir e salvar arquivos do Word e PowerPoint no formato Open XML usando aplicativos beta divulgados pela divisão da Microsoft.

Ironicamente, um dos que parabenizou o fato do iWork suportar o padrão foi Brian Jones, diretor do programa do Office 2007. "O iWork 08 lê arquivos em Open XML do Office com altíssima fidelidade", afirmou em seu blog.

"O Office para Mac não é uma real prioridade para a Microsoft", afirmou Gartenberg. "E isto não deve mudar em médio prazo...".

Para ele, a transição para o novo formato prova a inabilidade da Microsoft em entregar softwares no prazo original.

Críticas a parte, o formato Open XML é, por si, o centro de outra polêmica em razão à disputa que vem enfrentando com o padrão Open Document Format, organizado pelo Organization for the Advancement of Structured Information Standards e usado pelo pacote OpenOffice.

*Gregg Keizer é editor do ComputerWorld, em Framingham.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail