Home > Notícias

Sony irá incluir tecnologia do Windows Media em seus players

Empresa fechará serviço Connect, enquanto permitirá o download de faixas compatíveis com o software de qualquer loja online

Por Martyn Williams, para o IDG Now!*

31/08/2007 às 19h37

Foto:

Empresa fechará serviço Connect, enquanto permitirá o download de faixas compatíveis com o software de qualquer loja online

A Sony anunciou, na quinta-feira (30/08), durante a feira IFA, na Alemanha, que irá fechar a Connect Music Store na Europa e nos Estados Unidos. Em seu lugar, a empresa irá incluir a tecnologia do Windows Media da Microsoft aos seus players de música - entre eles, uma versão menor do walkman NWZ-A810 (foto).

Os consumidores poderão fazer o download de conteúdo de diversas lojas online compatíveis com o Windows Media - aí se incluem o Napster, Audible.com e o Wal-Mart.

A Sony também irá distribuir o Windows Media Player 11 junto com seus dispositivos.

Esta estratégia representa uma grande mudança na direção dos negócios de áudio portátil da Sony, que entrou no mercado em 1979 com o lançamento do Walkman TPS-L2. A empresa só perdeu o posto de liderança em players quando a Apple lançou o iPod, em 2001.

Os primeiros players da Sony não eram compatíveis com o crescente formato MP3 - tocavam apenas o formato proprietário da Sony, o ATRAC. Em 2004, a empresa tornou seus players compatíveis com este formato - que era, contudo, limitado às compras pela loja de música online da Sony.

Os dois players que serão lançados pela empresa nos EUA incluem um que ainda não foi visto. O novo modelo NWZ-S610 é uma versão menor do walkman NWZ-A810, que foi lançado na Europa em abril.

Ambos os modelos possuem tela com resolução QVGA (240 pixels por 320 pixels), mas o display do S610 possui 1,8 polegada - o A810 possui 2 polegadas.

O player suporta os formatos de vídeo MPEG4 e H.264, além de áudio MP3 e imagens JPEG. Ambos têm modelos com capacidade de 2 GB, 4 GB e 8GB, com valores que serão de 120 a 210 dólares para a série S610 e de 140 a 230 dólares para a série A810.

*Martyn Williams é editor do IDG News Service em Tóquio

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail