Home > Notícias

Linguagem Ruby em alta no Brasil, aponta estudo da Evans Data

País tem a maior taxa de crescimento em 2008; mas maior mercado é a China, com 20% dos entrevistados usando a linguagem

Por Redação da Computerworld

03/09/2007 às 20h35

Foto:

País tem a maior taxa de crescimento em 2008; mas maior mercado é a China, com 20% dos entrevistados usando a linguagem

A utilização da linguagem de scripts Ruby no Brasil vai dobrar em 2008, segundo levantamento da Evans Data, feito com 400 desenvolvedores no Brasil, China, India e Europa Oriental.

Os profissionais brasileiros se mostraram os mais atuantes na linguagem, com 15,6% dos desenvolvedores brasileiros já utilizando Ruby atualmente, e uma previsão de 33% deles usarem no ano que vem.

Em tamanho, a China possui a maior taxa de desenvolvedores usando Ruby, com 20% das respostas. O crescimento da linguagem, contundo, é marginal se comparado com a alta prevista no Brasil em 2008.

“O Ruby está criando sensação no mundo do desenvolvimento por conta da sua natureza orientada ao objeto, facilidade de uso e boa maneira de lidar com as exceções”, afirma em declaração oficial John Andrews, CEO do Evans Data Corp.

A linguagem líder continua sendo o JavaScript, tanto em países subdesenvolvidos quanto nos desenvolvidos. Mais de 80% dos desenvolvedores chineses usam a linguagem, enquanto 76% profissionais indianos usam, 71% deles na Europa Oriental e 69% deles no Brasil. No entanto, haverá pequeno crescimento ou ele será estável na tecnologia.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail