Home > Notícias

Dispositivo wireless funciona em áreas não usadas por espectro de TV

Microsoft e Philips apresentam à Federal Communications Commission teste em que dispositivo não afeta os sinais de TV

Por IDG News Service/EUA

24/09/2007 às 14h17

Foto:

Microsoft e Philips apresentam à Federal Communications Commission teste em que dispositivo não afeta os sinais de TV

A Microsoft e a Philips anunciaram, na quinta-feira (20/09), ter conseguido fazer um dispositivo wireless funcionar em áreas não utilizadas pelo espectro de televisão.

As empresas enviaram os novos testes à Federal Communications Commission (FCC) dos Estados Unidos. A conquista foi a detecção de uma área com sinais que são fracos demais para as emissoras transmitirem imagens - os chamados “espaços em branco”.

Leia mais:

As empresas são integrantes do grupo White Spaces Coalition, que pede que FCC permita a operação de dispositivos wireless nestes espaços.

Dessa forma, os consumidores terão mais opções de banda larga wireless sem que os sinais de TV sejam afetados.

Contudo, as emissoras se opõem ao grupo, afirmando que o uso do espectro prejudicará a transmissão.

Os novos testes ocorreram após um dispositivo idêntico não funcionar em tentativas da FCC. Mas desta vez, ele trabalhou 100% do tempo nesta área não utilizadas, informaram as empresas.

No dia 31 de julho, a FCC se recusou a licenciar um dispositivo do grupo, sob a mesma alegação das emissoras. A Microsoft informou, logo em seguida, que o dispositivo estava danificado e por isso aparentemente prejudicou os sinais.

O grupo espera receber uma aprovação para uso do espectro até o final do ano.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail