Home > Notícias

MS enxuga kernel do Windows para desenvolver próxima versão do sistema

Objetivo é tornar Windows 7 mais ágil e apostar em gadgets móveis

Por IDG News Service/EUA

19/10/2007 às 11h51

Foto:

O código central do sistema operacional Windows, da Microsoft, está sendo reescrito para se tornar mais simples de usar para uma ampla gama de produtos futuros, incluindo o Windows 7, versão do sistema que sucederá o Vista, lançado em janeiro de 2007.

Leia mais:

O projeto interno, com codinome "MinWin", ainda não está preparando produtos, mas será parte do Windows 7, afirmou Eric Traut, engenheiro da Microsoft durante apresentação na Universidade de Illionoies.

Um vídeo do encontro na universidade foi publicado online.

O kernel é fundamentalmente o núcleo sob o sistema operacional que gerencia aplicativos e funções como drivers, memória e sistema de arquivos.

"Muitas pessoas vêem o Windows como um sistema operacional grande e inflado e talvez esta seja uma caracterização justa, tenho que admitir", afirma Traut. "Mas seu núcleo, o kernel, assim como componentes que compõe cada núcleo do sistema, são bastante enxutos".

Traut fez uma demonstração do MinWin, que ainda não tinha interface gráfica. Ele usa apenas 25 MB quando armazenado no disco, quantia quase insignificante comparada aos 4 GB necessários para uma instalação completa do Windows Vista, explicou.

O MinWin pode rodar sob menos de 40 MB de memória RAM, afirmou. "Este é a prova de que há um belo kernel dentro do Windows", afirmou. Mas a Microsoft ainda quer diminuí-lo ainda mais. "Ele ainda é maior do que gostaríamos".

A Microsoft usa seu kernel para vários produtos, das versões para usuários finais às para servidores do sistema operacional Windows. Manter o kernel do menor tamanho possível permite que ele seja usado em sistemas operacional com pouca memória.

A Microsoft afirmou que lançará o Windows 7 em 2010, mesmo que ainda não tenha detalhado funções do novo software.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail