Home > Notícias

Autoridades fecham site que distribuía álbuns inéditos ilegalmente

OiNK, principal fonte para download ilegal de músicas inéditas, foi fechado

Por Redação do IDG Now!

24/10/2007 às 12h22

Foto:

Autoridades policiais britânicas e holandesas fecharam o site OiNK, que distribuía ilegalmente músicas inéditas, revelou a Federação Internacional da Indústria Fonográfica (IFPI) nesta terça-feira (23/10).

Leia mais:

A operação incluiu a prisão de um jovem de 24 anos, que supostamente operava o site da área de Middlesbrough, ao norte da Inglaterra.

Ao longo deste ano, o OiNK disponibilizou mais de 60 grandes álbuns - semanas antes de seu lançamento -, se tornando a principal fonte mundial para obtenção de músicas pré-lançadas ilegalmente.

A tecnologia BitTorrent era utilizada para distribuir as músicas entre aproximadamente 180 mil membros.

Só podiam participar da comunidade os usuários que provassem ter arquivos musicais a compartilhar. Eles eram, inclusive, encorajados a distribuir álbuns no formato de arquivo “torrent” - e, mais tarde, eles compartilhavam o conteúdo em fóruns e blogs.

A incursão, coordenada pelo Interpol, parte de uma investigação que começou há dois anos pela IFPI do Reino Unido e pela Indústria Fonográfica Britânica (BPI).

Os servidores do site, baseados em Amsterdam, foram alvo de uma série de investigações na semana passada. O operador do OiNK, que está preso, supostamente conseguia dinheiro por meio de doações a uma conta no PayPal.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail