Home > Notícias

Operadora China Mobile negocia com Apple para vender iPhone no país

Em modelo de negócios da Apple, operadoras compartilham lucro com o iPhone

Por IDG News Service/China

13/11/2007 às 13h01

Foto:

A China Mobile está negociando com a Apple a venda do iPhone no país, anunciou o CEO (Chief Executive Officer) da empresa, Wang Jianzhou, nesta terça-feira (13/11).

Leia mais:

“Nossos clientes gostam deste tipo de produto”, disse Jianzhou, durante o Mobile Asia Congress, da GSM Association, em Macau, na China.

O executivo não está entusiasmado, contudo, com o modelo de compartilhamento de renda que a Apple aplica no resto do mundo.

Em uma palestra durante a conferência, o CEO afirmou que não gosta de alguns modelos emergentes de negócios na indústria de telefones móveis, incluindo fabricantes de celulares que querem compartilhar renda com operadoras móveis.

“Ainda pensamos que podemos manter o modelo de centralização na operadora porque temos os clientes, os usuários finais”, declarou Jianzhou.

A Apple tem assinado acordos exclusivos com operadoras para a venda do iPhone, como com a O2 no Reino Unido e a AT&T nos Estados Unidos. Como parte do acordo, a Apple pede que as operadoras lhe paguem uma parte do rendimento obtido com os clientes do dispositivo.

A Apple declarou que irá apresentar os iPhones na Ásia em 2008 e que a China Mobile seria uma boa conquista para a empresa. Ela é a maior operadora do mundo, com quase 250 milhões de clientes até o final de setembro.

A China Mobile, contudo, também é integrante da Open Handset Alliance, do Google, um consórcio de empresas de tecnologia e serviços que desenvolverão produtos baseados na plataforma móvel do Google, o Android - que promete competir com o iPhone.

Jianzhou criticou a inclusão de players de música em celulares, pois os telefones ficam ruins quando tem um bom tocador, e vice-versa.

O executivo diz ser “indesejável” a conexão de um celular a um computador para baixar músicas, pois os aparelhos deveriam baixar faixas diretamente da rede móvel, declarou.

A China Mobile tem seu próprio serviço de música, com mais de 60 milhões de usuários e downloads, até agora, de 240 milhões de ringtones.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail