Home > Notícias

Os 25 melhores vídeo hits do YouTube

Desde imitações cômicas de politicos ao gerente de uma mercearia que seria o irmão mais novo do Darth Vader, estes são os melhores vídeos da era YouTube

Por Mark Sullivan, PC WORLD (EUA)

14/11/2007 às 17h16

top_videos_70.jpg
Foto:

Não existe fórmula para criar um vídeo que milhões de pessoas queiram assistir e contar as seus amigos, mas se existisse, teria de incluir alguma dose de humor (muitas vezes intencional), constrangimento, obscenidade e muita imbecialidade. Desde o surgimento do YouTube em 2005, muitos vídeos foram produzidos, mas poucos ultrapassaram a popularidade desses 25 “clássicos”. Vamos a eles:

Bush e Kerry cantam “This land is your land”

Lembram da campanha presidencial dos EUA em 2004? Um dos primeiros vídeos, “This land is your land”, criado pelos irmãos Gregg e Evan Spiridellis da JibJab, dá nova forma ao clássico de Woody Guthrie, com lugares e rostos da campanha presidencial de 2004. O original era sobre orgulho e integridade nacional, temas que pareceram completamente fora de contexto com a eleição, quando o abismo cultural entre Democratas e Republicanos não poderia ser maior. Mas apesar de tudo, as grandes cabeças de Geroge W. Bush e John Kerry sobrepostas à corpos de desenhos animados era engraçada por si só, não levando em consideração as “cutucadas” que os diretores lançam sobre os dois candidatos no vídeo. A eleição de 2004 parece ter ocorrido décadas atrás, mas o vídeo da JibJab traz tudo isso de volta, e ainda serve para dar algumas risadas.

O experimento Diet Coke & Mentos

Quem imaginaria que um experimento de ciências de 8a série se transformaria em objeto de fascinação mundial? Este foi o efeito desse clássico vídeo, e as pessoas continuam checando-o no YouTube e em outros milhares de sites de vídeo. Você simplesmente precisa jogar 7 ou 8 balas de mentos em uma garrafa de Diet Coke, afastar-se e olhar os geysers formados pela explosão. Centenas de pessoas já duplicaram o experimento em suas próprias versões do vídeo original, e o criador original Steve Spangler, já realizou inúmeras performances ao vivo deste truque. A seguir está o que achamos ser o primeiro vídeo do experimento que apareceu no mundo dos vídeos compartilhados.

++++

Garotos do dormitório, garota solitária e um homem irado

Garotos asiáticos imitam os Backstreet Boys

Um dos primeiros vídeo hits, o que apresenta dois estudantes chineses (Wei Wei e Huang Yi Xin) imitando e dançando a música “I Like it that way” do Backstreet Boys para uma webcam barata instalada em seu dormitório. É difícil dizer se as pessoas gostam ou não dos personagens, especialmente o estranho no canto esquerdo (Wei Wei).De acordo com a Wikipedia, os “Back Dorm Boys” (ou Garotos do dormitório), como são chamados, foram logo depois contratados como porta-vozes dos celulares Motorola na China.

Lonelygirl15

Lonelygirl15 (ou garota solitária) é um vídeo/blog falso, inventado em Marin County, Califórnia, pelo roteirista Ramesh Flinders e seu amigo Miles Beckett, um médico que virou diretor. A estrela de “Lonelygirl15” é uma adolescente fictícia chamada “Bree”, interpretada pela atriz neozelandesa Jéssica Rose. Por um bom tempo, as pessoas pensaram que a série era um legítimo vídeo/blog, até que alguns repórteres do Los Angeles Times finalmente desmascararam os criadores e a atriz, em setembro de 2006. Tem alguma coisa em Bree e sua vida que mantêm os internautas voltando para ver mais, mesmo após a farsa ter sido descoberta.

O vendedor de trailer mais nervoso do mundo

Esse vídeo consiste em diversos takes de um filme comercial de 1988, gravado para a Winnebago por um Jack Rebney, também conhecido como o homem mais nervoso do mundo. Nele, Rebney perde a cabeça com tudo, desde esquecer falas até as muitas moscas que estavam no cenário. De acordo com a Wikipedia, os takes apareceram em 1990 e circularam de pessoa a pessoa por anos, antes de aparecer na internet. “The angry Winnebago man” é um desses vídeos que estavam apenas esperando a era do YouTube acontecer: uma vez que chegou ao circuito de vídeos na internet, ele se espalha tão rápido quanto um trailer indo ladeira a baixo sem freios. (Atenção: esse vídeo contém nada mais do que linguagem grosseira).

++++

Estupidez e agressão

A dança ‘Numa Numa’

O video “The Numa Numa Dance” apresenta um jovem garoto chamado Gary Brolsma que está sentado em frente ao seu PC e fazendo uma dança interpretativa, para uma música pop romena. O vídeo debutou em um site em 2004, e foi visto por mais de 2 milhões de pessoas em dois meses. Com o surgimento e crescimento de sites de compartilhamento de vídeo, como o YouTube, outros milhares viram o vídeo. Para muitas pessoas, quando escutam o termo “vídeo compartilhado”, eles imaginam o rosto estático de Gary Brolsma.

O jovem de Star Wars

Este jovem teve o que ele achou ser um momento privado no estúdio de produção de seu colégio. Ah, exceto pelo fato de ter sido gravado. A fita, descoberta meses depois por seus amigos, foi colocada na site de compartilhamento de arquivos Kazaa. Em duas semanas, cerca de 2 milhões de pessoas tinham feito o download do vídeo. O jovem Star Wars não achou isso muito engraçado – ele processou a família dos “amigos” que postaram o vídeo. Resultado do processo: o garoto teve que “agüentar, e ainda agüenta até hoje, a zombaria dos colegas de colégio e do público em geral” e ainda ele “ficará sob tratamento psicológico por tempo indeterminado”. Uma agência de propaganda, a Viral Factory, especializada em campanhas de web marketing, estima que ano passado o vídeo “The Star Wars Kid” tenha sido visto mais de 900 milhões de vezes, transformando-o no mais popular vídeo da internet.

Pergunte ao Ninja

O conceito é simples. Esta série de web vídeos, criado pelos comediantes de Los Angeles Kent Nichols e Douglas Sarine, apresenta Nichols em uma vestimenta preta de ninja. Ele é enfático ao responder as perguntas enviadas pelos “internautas”. “O ninja é conhecido por suas declarações poderosas, assim como por sua expansiva, espontânea e exagerada forma de gesticular”, diz a Wikipedia. Os episódios de “Ask a ninja” geralmente tem 3 minutos de duração e sempre terminam com a assinatura do ninja: “Não vejo a hora de matá-lo!” (ou algo parecido).

++++

‘Eu sou o seu gerente, Luke’

Chad Vader, gerente do turno da manhã

Neste video, os criadores Matt Sloan e Aaron Yonda, imaginaram o irmão mais novo do Darth Vader, Chad, como sendo gerente de uma mercearia. Hollywood, tome nota: não se pode perder uma premissa como essa. “Day shift manager” é o vídeo mais popular dentre os oito já produzidos pela dupla: foi visto mais de 5 milhões de vezes no YouTube, de acordo com a página de Chad Vader no Wikipedia. A série foi inclusive discutida em um desses segmentos “Good morning America”, no ano passado.

George Lucas apaixonado

O vídeo "George Lucas in Love" é um curta humorístico feito pelo roteirista de Hollywood Joe Nussbaum, com a ajuda de seus amigos da faculdade de cinema da University of Southern California. O filme combina e faz paródia com Star Wars e Shakespeare Apaixonado. É bem coisa “por dentro de Hollywood” (Nussbaum usa isso como demo para apresentar aos estúdios), mas apesar disso, provou ser um hit em sites de vídeo como o YouTube. O filme retrata um jovem George Lucas no colégio lutando contra um bloqueio criativo para escrever um filme que lembra muito Star Wars.

O ataque racista de Kramer

O ator Michael Richards – o Kramer da sitcom Seinfeld – é um cara engraçado, mas se tornou totalmente atordoado durante uma apresentação cômica em Hollywood. Richards se desculpou pelos comentários racistas alguns dias depois, mas ele aprendeu que na era dos vídeos pela internet, uma vez que você diz algo escandaloso, não tem volta. (Atenção: esse vídeo contém frases racistas e difamação).

++++

Parecia um bom plano…

Leeroy estraga o plano – bobões jogando World of Warcraft

Este é um olhar próximo por dentro do jogo multiplayer online ‘World of Warcraft’ e das pessoas que jogam o mesmo. O vídeo apresenta cenas reais de um ataque mal planejado por um time de jogadores, com o áudio de sua teleconferência antes e durante a batalha. Numa curta parte de uma longa história, o jogador LeeRoy escapa de uma reunião de planejamento ultra-sério de pré-ataque (muito engraçado) e ataca prematuramente, levando a morte de todos de seu time.
(Novamente, os números da equipe estimavam que mesmo se eles seguissem o plano, teriam apenas 32.3333% de chance de sobreviver. Ainda mais perturbante – o capitão reportou que essa era uma boa probabilidade, das que eles normalmente dispõem). O vídeo foi originalmente postado em algum fórum do ‘World of Warcraft’, mas por ser patético e hilário, se transformou em um famoso vídeo visto por milhões de pessoas.

A mulher pisoteando as uvas (com a cara no chão)

Luz, câmera e cara no chão! Dor e humilhação são padrões no gênero YouTube, e este clipe é um dos melhores exemplos disso. Uma repórter está fazendo uma matéria externa em uma vinícola. Ao vivo, ela aparece sobre uma plataforma de quase 2 metros de altura, pisoteando uvas em uma pequena bacia. Então ela começa a fazer uma dança e em seguida o que você vê é ela caindo para frente e “aterrissando” de cara no chão. Quase tão dolorido, foi a expressão dos âncoras quando cortaram a matéria e voltaram aos estúdios.

A casa de luzes de natal

Este fenômeno, que começou a circular em 2005, introduz uma performance de 2004 de um show de luzes e músicas de Natal que decoravam a casa de Carson Williams, de Mason, Ohio. Williams não apenas colocou cerca de um bilhão de luzes em sua casa, mas como as fez piscar em sofisticado estilo coordenadas pela música da Trans-Siberian Orquestra. A música tocava em uma rádio FM, para que os visitantes pudessem ouvi-la enquanto passavam pela casa em seus carros. A conta de eletricidade em 01/Janeiro: cerca de 273 mil dólares!

++++

“Aqui está o Johnny!”

O Iluminado – O filme sensação do verão

Remixes são outros suportes principais de vídeos na web, e este é um dos melhores exemplos dessa arte. O vídeo espertamente relembra cenas do clássico do horror “O Iluminado”, de Stanley Kubrick, junto com uma trilha sonora alegre com a música “Solsbury Hill”, de Peter Gabriel. O resultado transforma um dos mais assustadores filmes já feito, em uma apresentação organizada e cronológica. Dizem que o vídeo já foi visto por aproximadamente 50 milhões de pessoas.

Tom Cruise ataca Oprah

O clipe com o “ataque de felicidade” de Tom Cruise em 2005, durante entrevista no programa The Oprah Winfrey Show é assustador o bastante, mas esse remix adiciona uma animação horripilante com o que possivelmente se passou pela cabeça do ator.

Stephen Colbert ‘janta’ o Bush

O cômico Stephen Colbert usa seu super conceituado e conservador talk-show, The Colbert Report, apresentado pela Comedy Central, para mostrar uma das mais corajosas “comidas” em um presidente em toda história de Washington, durante o jantar de 2006 da Associação dos Correspondentes da Casa Branca. Colbert satiriza Bush e suas lambanças, de todos os lados e ângulos, enquanto Bush está sentando observando, claramente desconfortável e, em alguns instantes, perplexo. No dia seguinte ao jantar, o trecho com o discurso de Colbert apareceu no YouTube e em outros sites de vídeos, e desde então teve milhões de acessos.

++++

O pequeno King Kong

O pequeno superstar

Não se sabe muito sobre a estrela desse video hit. É um clipe de um filme indiano de 1980, chamado Adisaya Pirari, com um membro da seita Tamil. O clipe é estrelado por um ator que aparentemente tem o apelido de “King Kong”. Ele é um anão, mas lembra muito uma criança. Ele faz uns movimentos de dança diferentes e fuma cigarro. Assista por conta própria – é realmente estranho.

‘Mais sino’

Esta esquete de 08/04/2000 do programa americano Saturday Night Live, com Will Ferrell e Christopher Walken, mostra uma banda da década de 70, Blue Oyster Cult, gravando em estúdio seu grande hit “Don't Fear the Reaper”. Walken interpreta o produtor que está convicto de que o sucesso da música depende de quantos sons do sino podem ser colocados nela (o sino é tocado com desleixo por Ferrell). Devido ao sucesso desse vídeo, uma geração de jovens era ouvida gritando e gargalhando em shoppings por toda América em 2004: “mais sino”!

O pior âncora da história

Era a primeira noite de Brian Collins no jornal de esportes. O teleprompter estava com mal funcionamento e começou a passar o texto muito rapidamente. Este vídeo é uma gravação dolorosa (e engraçada) que teve como resultado uma das piores gafes em transmissão ao vivo já vista. O vídeo ficou tão popular que Collins apareceu no Early Show da CBS e no programa de David Letterman. A ESPN também fez uma história sobre ele.

++++

Péssimo dia ao teclado

O jovem alemão nervoso

Este jovem alemão aparentemente deixou a webcam ligada enquanto se preparava para outra sessão de jogos no PC. Bem, primeiro o jogo não carrega corretamente e o jovem começa a ficar bem nervoso, xingando o computador. Depois que o jogo finalmente carrega, o jovem é expulso diversas vezes, sucessivamente, o que o deixa irado. Ele continua gritando palavrões e bate com o teclado na mesa até quebrá-lo.
Parece que o jovem precisa de menos açúcar em sua dieta, e talvez um Ritalin. A performance aparentemente se encaixa em um vídeo satisfatório, pois milhões de pessoas já o viram. (Atenção: Este vídeo contém quase que a mesma quantia de profanação que o vídeo ‘Angry Winnebago Guy’, embora dessa vez este seja traduzido do alemão).

‘Chocolate Rain’ por Tay Zonday

Tay Zonday é um estudante de graduação em Minneapolis, Minnesota. Seu vídeo no YouTube “Chocolate Rain”, é um pouco diferente, mas estranhamente apelativo e se tornou bastante popular bem rápido durante o verão americano de 2007. Este vídeo o conduziu para participações no Best Week Ever Show do canal VH1 e no Jimmy Kimmel Live Show. A canção não é ruim e a letra é bacana, mas é o fator estranheza (seus movimentos com a cabeça, seu corpo pequeno e voz baixa) que fazem deste vídeo um hit.

O reverendo flatulento

O programa Reverendo Robert Tilton TV Ministries era uma série televangélica baseada no Texas da década de 80. Em seu show, Tilton falava sobre rezar para Jesus para engordar a conta bancária de alguém e para sucesso no mundo dos negócios. Mas o show “renasceu” e se transformou em um autêntico fenômeno quando alguém “aumentou” o som do programa. Nos disseram que, o reverendo e seus funcionários se ocuparam em retirar esses vídeos assim que aparecem em sites com o YouTube; então se o vídeo abaixo ficar escuro e sumir, apenas faça uma busca por “The farting reverend”.

++++

Super Dramáticos

O hamster dramático

Milhões de pessoas já viram esse vídeo de 5 segundos, que consiste em um zoom de um hamster na gaiola quando este vira-se e olha com olhos bem abertos para a câmera. Não é conhecido quem é o autor deste vídeo, mas “Dramatic Hamster” é um dos vídeos mais remixados da web. Uma dessas remixagens mostra o hamster com uma trilha sonora de James Bond, outra alguém adicionou um toque de Kill Bill – e por aí vai.

Chris Cocker diz: "Deixem a Britney em paz!"

O mais recente vídeo em nossa lista dos “melhores” é também um dos mais patéticos: é o andrógeno Chris Crocker que comoventemente pede que as pessoas “deixem a Britney em Paz!”. Deitado sobre um lençol, com a câmera em sua cara, Crocker, de 20 anos, pede, implora, chora e lamenta. Fica a seu critério decidir se Crocker está sendo sério ou se está fazendo algum tipo de performance ridícula. Não considerando que Crocker assinou um pré-acordo com a produtora 44 Blue Productions para gravar um reality show sobre sua vida.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail