Home > Notícias

Mercado Pago vai ser tornar o ‘PayPal’ do Brasil em 2008

Modelo será semelhante ao usado pelo PagSeguro, em operação deste o início do semestre, e disponível para outros sites de e-commerce

Por Nando Rodrigues, da PC WORLD

23/11/2007 às 15h43

Foto:

Atualizada às 17h17

O Brasil terá uma nova alternativa para pagamento de transações de comércio eletrônico em 2008. De acordo com Stelleo Tolda, diretor presidente do Mercado Livre, o Mercado Pago, serviço adicional contratado pelo comprador como forma de garantir a transação realizada, passará a funcionar com um meio de pagamento como o que hoje é realizado por instituições financeiras e cartões de crédito. “O Mercado Pago já funciona desta maneira no Chile e vamos ampliar o conceito para os demais países onde o Mercado Livre opera”, afirma Tolda. O novo Mercado Pago segue o modelo de negócios que foi adotado pelo PagSeguro, do UOL.

Leia também:

Além de servir como forma de pagamento para transações realizadas no próprio site, o Mercado Pago será oferecido como alternativa de pagamento para outros portais de comércio eletrônico, de forma similar ao que ocorre com o PayPal, do eBay, que também é acionista do Mercado Livre.

Segundo Tolda, o Mercado Pago tende a ser uma ótima alternativa para empresas de pequeno e médio portes para as quais os limites impostos pelas instituições financeiras tradicionais podem tornar o comércio eletrônico inviável. “A oferta de crédito é fundamental para o crescimento do comércio como um todo”, argumenta.

Da forma como o Mercado Pago opera hoje, garantido da transação, ele corresponde a 20% do volume total negociado pelo Mercado Livre (43,6 milhões de dólares só no terceiro trimestre de 2007, metado disso só no Brasil). Tolda afirma que este é o maior patamar que ele pode chegar. Segundo ele, o PayPay representa 70% do volume de negócios do eBay, chegando a mais de 90% nos Estados Unidos. “Entendemos que o novo Mercado Pago será muito bem aceito pelas empresas de pequeno porte que não verão seu capital de giro impactado”, completa.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail