Home > Notícias

Bateria de celular da Nokia explode e pega fogo na Nova Zelândia

Usuário acordou com barulho da explosão, que ocorreu enquanto o celular era carregado

Por IDG News Service/França

29/11/2007 às 17h30

Foto:

Um homem da Nova Zelândia acordou no meio da noite com o barulho da explosão da bateria de seu celular, o segundo incidente reportado esta semana.

Leia mais:

Norman Sievewright afirmou que acordou na madrugada da quarta-feira (28/11) com um barulho. Ele encontrou, então, a bateria de seu celular em chamas no carpete. O aparelho estava sendo carregado enquanto ele dormia.

O dispositivo foi fabricado pela Nokia, que pediu que Sievewright devolva a bateria e o carregador para investigações. Até que isto seja feito, “seria inapropriado especular”, disse uma porta-voz da Nokia por e-mail.

E, agosto, a Nokia alertou que 46 milhões de suas baterias podiam superaquecer no carregamento, graças a uma vulnerabilidade de circuito.

A Nokia disse que ainda não sabe qual o tipo de bateria que o telefone que explodiu na Nova Zelândia continha, e informou que não conseguiu entrar em contato com a vítima nesta quinta-feira (29/11).

Na quarta-feira, um homem morreu na Coréia do Sul após a bateria de seu celular explodir no bolso de sua camisa.

Outros casos já foram relatados, como a morte de um chinês, em julho, também após explosão de uma bateria de celular da Motorola. Em São Paulo, no ano passado, uma jovem sofreu queimaduras também devido a explosão da bateria de aparelho do mesmo fabricante.

Com quase 300 milhões de celulares vendidos no mundo no último trimestre, as explosões de bateria são consideradas extremamente raras.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail