Home > Notícias

Facebook permite a usuários desabilitar totalmente sistema de anúncios

CEO da empresa se desculpa e anuncia que quem quiser poderá ficar totalmente livre do Beacon

Por IDG News Service/EUA

06/12/2007 às 10h30

Foto:

O Facebook finalmente passou a oferecer aos seus usuários a opção de se recusar totalmente a participar do controverso programa de anúncios da empresa, o Beacon, em reação às intensas criticas feitas ao sistema pelo seu caráter invasivo.

Leia mais:

O anúncio foi feito nesta quarta-feira (05/12), no blog do CEO da empresa, Mark Zuckerberg, onde ele também se desculpou pelos percalços no desenvolvimento e implementação do Beacon.

“Cometemos muitos erros ao construir esse recurso, mas erramos ainda mais na forma como lidamos com ele. Simplesmente fizemos um trabalho ruim no lançamento e eu me desculpo por isso”, escreveu Zuckerberg.

Esta é a segunda grande modificação no sistema em menos de uma semana. Na última quinta-feira, a companhia deu maior controle sobre a ferramenta aos usuários e tornou seu funcionamento mais claro.

Parte do sistema de anúncios da rede social, o Beancon monitora as atividades do usuário em mais de 40 sites parceiros (como a compra de um DVD na Blockbuster, por exemplo) e os reporta aos contatos deste usuário na rede social.

O CEO não comenta em seu post o relatório da CA que acusou o sistema de ser mais intrusivo do que se pensava, por rastrear os passos dos usuários fora da rede social mesmo quando eles não estão logados.

O anúncio de Zuckerberg responde, no entanto, a uma das principais criticas ao sistema: a de que não era possível sair do programa, apenas escolher em quais site se gostaria ou não que suas atividades fossem monitoradas.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail