Home > Notícias

Principais ameaças de dezembro chegaram por e-mail, afirma Fortinet

Dos dez malwares mais ativos no último mês de 2007, metade são do tipo mass mailer

Por Redação da PC WORLD

07/01/2008 às 16h42

Foto:

Relatório sobre as principais ameaças à segurança que circulam pela web, divulgado nesta segunda-feira (07/01) pela Fortinet, empresa que atua no fornecimento de soluções de gerenciamento unificado de ameaças (UTM, pela sigla em inglês), mostra que 50% das pragas mais ativas em dezembro são do tipo mass mailer, ou seja, utilizam o correio eletrônico como principal fonte de disseminação.

Segundo o levantamento, o Netsky!similar foi a ameaça mais ativa, responsável por 11% dos infecções, seguido pelo Iframe_CID!exploit (8,5%) e pelo MyTrob.FR@mm (3,4%), também um mass mailer.

Os adware Bdsearch e TCent, que também constavam no relatório de novembro, mantiveram suas posições na lista, nono e décimo lugares, respectivamente. Enquanto isso, o exploit ANI07.A permaneceu bastante ativo, mantendo-se entre as ameaças mais ativas pelo nono mês consecutivo.

Balanço do ano

De acordo com os pesquisadores da Fortinet, as páginas maliciosas foram um importante vetor de infecção ao longo de 2007, sendo mais eficientes, do ponto de vista de infecção, do que as pragas que se propagam por e-mail.

Para o gerente de pesquisar de ameças da empresa, Guillaume Lovet, é cada vez mais difícil distinguir páginas maliciosas daquelas que são segurar. “Para evitar infecções, sugerimos aos usuários assegurarem que seus browsers estejam perfeitamente atualizados antes de navegarem na web, cuidadosamente ativem o Java script e,  se possível, que utilizem sistemas operacionais e browsers menor probabilidade de serem alvos, como Linux e Opera”.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail