Home > Notícias

Mais de 95% dos PCs rodam aplicações com falhas, afirma Secunia

De 20 mil PCs com Windows avaliados pela empresa, 95,46% têm pelo menos uma falha e 42% têm 11 ou mais vulnerabilidades

Por Computerworld/EUA

10/01/2008 às 14h28

Foto:

Praticamente todos os microcomputadores rodando o sistema operacional Windows têm ao menos uma aplicação desatualizada, enquanto quatro em cada dez máquinas contém 11 ou mais programas vulneráveis a ataques, alertou a Secunia ASP, na quarta-feira (09/01).

Leia mais:

Segundo a empresa especializada em rastreamento de falhas, 95,46% dos 20 mil PCs que baixaram e instalaram sua ferramenta Personal Software Inspector (PSI), na semana passada, possuem aplicações que não foram corrigidas em seus sistemas.

O gerente de desenvolvimento da Secunia, Jakob Balle, afirma que 41,94% das máquinas escaneadas na última semana apresentam 11 ou mais vulnerabilidades; e que mais de dois terços (67,63%) possuem seis ou mais programas que não foram corrigidos.

"Praticamente todos os computadores estão funcionando com diversas aplicações inseguras instaladas", apontou Balle, acrescentando que o problema real deve ser ainda maior. Segundo ele, os computadores rastreados com a ferramenta PSI geralmente pertencem a usuários mais "vigilantes e conscientes em relação à segurança do que a média."

A empresa lançou o sistema de detecção gratuita de atualizações há um ano, mas modificou a ferramenta para uma versão Release Candidate 1 (RC1) no início de janeiro. Atualmente, mais de 191 mil usuários baixaram o PSI, segundo a Secunia. A ferramenta roda nos sistemas operacionais Windows 2000, XP, Vista e Server 2003, e pode ser baixada no site da Secunia.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail