Home > Notícias

Índia quer criar computador universitário de 35 dólares

Estudantes de faculdades e universidades são público-alvo do aparelho que, com o tempo, deverá ter seu preço reduzido até 10 dólares

IDG News Service/Bangalore

22/07/2010 às 16h39

Foto:

A Índia anunciou nesta quinta-feira (22/7) um computador de
35 dólares (cerca de 62,50 reais) projetado para uso por estudantes universitários, de
acordo com o ministro de Desenvolvimento de Recursos Humanos daquele país.

O preço do aparelho deverá cair gradualmente para 20 dólares
(aproximadamente 36 reais) e mais tarde para 10 dólares (18 reais), afirmou o
governo, em comunicado. Mas não foi dito quando o aparelho estaria disponível,
nem suas especificações.

Uma Missão Nacional de Educação pelo uso de tecnologias de
informação e comunicação, anunciada em fevereiro do ano passado, estabeleceu
que o governo deveria desenvolver e testar aparelhos de computação e acesso à
informação para uso na educação.

O plano do governo caiu no ridículo ao ser interpretado como
uma tentativa de entregar um laptop de 10 dólares. Contudo, porta-vozes do
Departamento de Ensino Superior esclareceram que não se tratava de um laptop.

O Ministério de Desenvolvimento de Recursos Humanos afirmou
na quinta-feira que o aparelho tem sido desenvolvido em colaboração com
instituições educacionais da Índia, como o Instituto Indiano de Ciência, de
Bangalore, e os Institutos Indianos de Tecnologia.

O novo aparelho usa tecnologia de código aberto para cortar
custos, de acordo com uma pessoa próxima ao projeto (e que pediu anonimato). O
uso de tecnologia apropriada em um produto despojado, com alta integração e
produção em massa deverá empurrar para baixo o custo do aparelho, acrescentou.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail