Home > Notícias

“Inseto robô” criado por engenheiros de Harvard tem tamanho de uma moeda

RoboBee poderá ser usado, no futuro, para polinização, operações de busca e salvamento, e talvez até em procedimentos médicos.

TechHive / EUA

03/05/2013 às 16h59

Foto:

Que mosquitos são chatos, ninguém pode negar. Mas e se eles forem pequenos robôs que não vão te picar ou zumbir na sua orelha à noite? Um grupo de engenheiros do Instituto Wyss para Engenharia Biologicamente Inspirada da Universidade de Harvard criaram o menor robô do mundo.

O RoboBee pode voar verticalmente, pairar no ar e continuar com os movimentos igual uma abelha varia no mundo real. O pequeno inseto possui duas asas de que se movem 120 vezes por segundo, e seu corpo é de plástico recoberto com fibra de carbono.

A única desvantagem do robozinho é o fato de precisar ser constantemente carregado para funcionar. O vento também é um problema, dado seu peso leve.

O RoboBee demorou 12 anos para ser completamente desenvolvido - entre concepção e testes. A ideia dos engenheiros é usar o inseto para polinização, por exemplo, ou até mesmo em operações de busca e salvamento, e talvez até em procedimentos médicos.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail