Home > Notícias

Intel adapta sistema operacional usado em netbooks para desktops

Sistema Moblin 2.1 rodará em desktops e smartphones além dos pequenos laptops, o que o coloca como potencial rival do Windows 7.

IDG News Service/EUA

24/09/2009 às 10h55

Foto:

A Intel expandiu o foco do seu sistema baseado em Linux Moblin ao adaptar o sistema operacional de ultraportáteis para aparelhos móveis e desktops, onde pode rivalizar com o Windows, da Microsoft.

A companhia apresentou uma versão de testes do Moblin 2.1 durante o Intel Developer Forum, que acontece em São Francisco, nos Estados Unidos. A nova versão do sistema tem funcionalidades como controle para telas sensíveis a toque, nova interface para usuário e suporte melhor para drivers.

O Moblin foi criado originalmente como um sistema operacional para pequenos computadores portáteis. O Moblin 2.1 virá em três versões: para smartphones, netbooks e computadores de mesa menores que o padrão, chamados de nettops pela Intel.

A companhia teve de repensar a interface para usuário do Moblin para que o sistema pudesse ser usado em telas maiores que as disponíveis em pequenos computadores portáteis, afirmou o engenheiro do centro de código livre da Intel, Amit Bapat. Versões antigas do Moblin foram ajustadas para telas que vão de 7 polegadas a 12 polegadas.

O desenvolvimento do Moblin está sendo gerenciado pela Linux Foundation, com apoio da Intel. A Intel está tentando usar o Moblie para popularizar o Linux em aparelhos que usam seus processadores Atom.

A versão para desktop colocará o Moblin em rota de colisão com a tradicional dominação do Windows, da Microsoft, no setor. Muitos netbooks chegarão ao mercado a partir de outubro já com o Windows 7, próxima versão do sistema,  instalado.

A versão final do Moblin 2.1 móvel terá divulgação alinhada com o lançamento de smartphones que usarão a plataforma Moorestown, da Intel. Segundo o presidente da Intel, Paul Otellini, aparelhos usando a plataforma chegarão ao mercado na segunda metade de 2010.

A versão de testes do Moblin 2.1 estará disponível para download "em pouco tempo", afirmou Bapat. O sistema será uma maneira de a Intel promover seu Atom Developer Program, anunciado na terça-feira (23/9) no evento para incentivar a criação de aplicativos para a plataforma Atom.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail