Home > Notícias

Intel adota sistema do Google em smartphones com chip Atom

De acordo com a gerente geral da empresa, Renee James, a companhia já tem o Android rodando em celulares com esse processador

Por IDG News Service

13/04/2010 às 8h14

Foto:

A Intel tem utilizado o sistema operacional Android do Google para smartphones baseados em seus microprocessadores Atom, afirmou um executivo da empresa nesta terça-feira (13/4).

De acordo com a gerente geral de software da Intel, Renee James, a companhia já tem o Android rodando em smartphones baseados em Atom, e alguns clientes já estão interessados em usá-lo. Ela não forneceu mais detalhes do projeto.

O movimento faz parte do objetivo da Intel em aumentar ainda mais o uso de seus microprocessadores Atom
nos smartphones, um mercado dominado hoje pelos chips da Arm Holdings. A Intel desenvolve seus chips na arquitetura x86, enquanto os da ARM são baseados em RISC.

O Google Android foi projetado originalmente para ser usado em processadores de celulare comuns, feitos com tecnologia ARM. Mas, a partir do momento que o Android ganhou popularidade, e por ser uma plataforma aberta, outras empresas o modificaram para que pudesse ser utilizado com outros chips.

A Acer, segunda maior fabricante de PCs do mundo, utilizou o Android para netbooks baseados em microprocessadores Atom no ano passado.

E a MIPS Technologies, que vende os seus próprios chips baseados em MIPS, portou o Android para o uso em uma variedade de dispositivos que usam chips MIPS, incluindo set-top boxes, molduras e centros de mídia digital em casa.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail