Home > Notícias

Intel se alia à Rockchip para expandir atuação no mercado de tablets de baixo custo

Empresas irão produzir um processador Atom de quatro núcleos com modem 3G integrado, que chegará ao mercado em 2015.

Agam Shah, PCWorld EUA

27/05/2014 às 17h50

Foto:

A Intel está trabalhando em conjunto com a fabricante chinesa de chips Rockchip na esperança de expandir suas ofertas no mercado de dispositivos Android de baixo custo.

Como parte de um acordo firmado nesta segunda-feira, as empresas irão entregar conjuntamente uma plataforma de chips com a marca Intel para dispositivos móveis. O primeiro chip, que deve ser lançado na primeira metade de 2015, será para dispositivos Android de baixo custo e baseado na arquitetura “Sofia”, da Intel, que integra um processador ARM e um modem 3G.

A Intel irá produzir um derivado quad-core do Sofia para a Rockchip. As empresas formam um casal estranho: o principal negócio da Rockchip no momento são processadores para tablets, smartphones e sistemas embarcados baseados na arquitetura ARM. Mas ao adicionar a arquitetura x86 da Intel à sua linha de processadores, a Rockchip pode aumentar sua presença no mercado de smartphones e tablets de baixo custo, onde já tem uma participação sólida.

Um chip customizado para a Rockchip será o primeiro acordo do tipo firmado pela Intel no mercado de dispositivos móveis. A Intel não está licenciando sua propriedade intelectual, mas o acordo é “especificamente projetado para ampliar o alcance e acelerar o passo da adoção da arquitetura Intel e de suas soluções de comunicação para mais consumidores e segmentos do mercado global de tablets de entrada e de baixo custo”, disse Kari Aaakre, uma porta-voz da Intel.

A Intel está trabalhando em conjunto com as equipes de projetistas da Rockchip para modificar o design do Sofia para criar o chip quad-core customizado, que inicialmente será produzido pela TSMC (Taiwan Semiconductor Manufacturing Co.), disse Aakre.

A Intel não se acanha em customizar chips, mas só o faz para clientes específicos que compram os componentes em grande quantidade. A empresa atualmente personaliza chips para servidores para empresas como o Facebook e a Google.

Através da Rockchip, a Intel ganha um caminho para chegar a fabricantes de dispositivos pouco conhecidos - também conhecidos como “caixa branca” - no mercado chinês, que está em rápida expansão. A Rockchip compete com outros fabricantes de chips baseados na arquitetura ARM como a Qualcomm, Mediatek, Allwinner, Samsung e Nvidia.

A Intel também planeja lançar uma variante dual-core do Sofia o próximo ano. O modem 3G integrado ao chip é baseado na arquitetura ARM, enquanto o processador de aplicações, responsável pela execução do sistema operacional e aplicativos, é baseado na x86.

Mais detalhes sobre o chip serão compartilhados durante a Computex, feira de tecnologia que acontecerá no mês de Junho em Taipei, Taiwan.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail