Home > Notícias

Intel une-se a empresas para investir US$ 3,5 bi em startups nos EUA

Grupo que reúne 25 companhias vai privilegiar iniciativas em tecnologias limpas, biotecnologia e tecnologia da informação.

Sharon Gaudin, da Computerworld/EUA

23/02/2010 às 19h39

Foto:

A Intel anunciou na terça-feira (23/2) que planeja se juntar a mais 24 empresas de capital de risco para investir coletivamente 3,5 bilhões de dólares em companhias de tecnologia dos Estados Unidos nos próximos dois anos. "Economias fortes e perenes são resultado de uma cultura de investimento e um compromisso com a inovação", disse o CEO da fabricante de chips, Paul Otellini, acrescentando que a Intel precisa ter "uma estratégia clara e consistente para promover inovação, investimento e empresas de startups".

Os investimentos, que incluem cerca de 200 milhões de dólares do próprio braço de capital de risco da Intel, servirão para apoiar tecnologias limpas, tecnologia da informação e biotecnologia, de acordo com a Intel. 

O analista do The Gabriel Consulting Group, Dan Olds, diz que o capital de risco dessa iniciativa é muito necessário e vem em boa hora. "Em primeiro lugar, porque o capital de risco é o sangue da inovação, e o capital privado, como é o caso, é muito mais produtivo quando investido". 

Olds afirma ainda que o investimento de risco deve ajudar a impulsionar investimentos em companhias de tecnologia, algo que se tornou escasso nos últimos anos. Segundo ele, houve uma queda dramática em investimentos de risco nos últimos dois anos. Em 2009, afirma, os investimentos em startups totalizaram cerca de 18 bilhões. "Compare com os 30 bilhões de 2007. É fácil ver que esses 3,5 bilhões adicionais serão de grande ajuda", diz

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail