Home > Notícias

Internet Explorer 10 reforça adesão da Microsoft ao HTML5

Versão preliminar do navegador foi demonstrada em um computador com chip ARM e já está disponível na web, no site Test Drive.

InfoWorld/EUA

13/04/2011 às 13h36

Foto:

Pregando o mantra do HTML5, a Microsoft começou a oferecer,
na terça-feira (12/4), uma versão preliminar do browser Internet Explorer 10,
com ênfase nas especificações críticas da web e nos efeitos visuais.

O navegador oferece recursos CSS3 (Cascading Style Sheets) e
aceleração gráfica. “Nós trabalhamos duro em alguns itens prospectivos do IE10”,
disse Steven Sinofsky, presidente da divisão Windows e Windows Live da Microsoft,
durante uma apresentação na conferência Mix11, em Las Vegas (EUA).

No evento, representantes da companhia demonstraram a versão
preliminar (platform preview) do IE10, utilizando vídeo HTML5, gradientes CSS3
e transformações 3D.

O preview, que foi mostrado em uma máquina com processador
ARM, também apresentou SVG (Scalable Vector Graphics) mais rápido, recursos de
CSS3 Flexible Box Layout, e melhorias na linguagem ECMAscript5 Strict.

A Microsoft trabalha há algumas semanas no desenvolvimento
do IE10. A versão preliminar está disponível no site Test Drive, afirmou Dean
Hachamovitch, vice-presidente corporativo da Microsoft para o Internet
Explorer.

Hachamovitch também enfatizou a adesão da Microsoft ao “HTML5
nativo”, que é reconhecido pelo IE9, lançado há cerca de um mês.

“Você e seu site podem tirar proveito disso hoje e oferecer
uma experiência de navegação significativamente melhor”, disse o
vice-presidente. O HTML nativo, explicou Hachamovitch, significa “que você usa
realmente a linguagem para tirar proveito do sistema operacional que está por
baixo do browser” e utilizar a aceleração por hardware.

As atualizações à versão preliminar do IE10 estão previstas
para ocorrer em períodos de oito a 12 semanas. Não foi divulgada uma data
específica para o lançamento de uma versão pronta (general release) do browser.

Hachamovitch reconheceu que as atualizações de navegadores podem
ser um processo lento. Ele citou como exemplo um sistema hospitalar de diagnóstico
por imagem que ainda utilizava o IE6. “Algumas vezes as versões velhas demoram
para desaparecer.”

Silverlight
Apesar da ênfase da Microsoft no HTML5, visto como
concorrente do plug-in Silverlight, de sua propriedade, uma versão beta do
Silverlight 5 também tinha lançamento previsto durante a conferência. Mas, na
fala sobre o HTML5, Hachamovitch ressaltou que ele oferece recursos que antes
exigiam plug-ins. “O suporte nativo do HTML5 pelo IE9 faz uma enorme diferença
no que esses sites podem fazer.”

A Microsoft está reconhecendo que o HTML5 “é a linguagem
para o desenvolvimento de front ends na web”, afirmou o analista Al Hilwa, do
IDC. “A posição em relação ao Silverlight não é diferente do que ela já defendia.
Parece-me que o Silverlight permanecerá como uma tecnologia nativa e uma
extensão do .Net em aparelhos mais leves. O Silverlight deverá ser usado
massivamente em tablets Windows 8, mas não teremos certeza até setembro.”

A Microsoft também anunciou a disponibilidade dos recursos
da plataforma de nuvem Windows Azure, incluindo serviços para acelerar o
desempenho de aplicações e permitir o acesso seguro na web por meio de
provedores de identidade como Google, Facebook e a própria Microsoft.

Uma versão preliminar de um recurso de gerenciamento de
tráfego para o Azure, voltado a equilibrar o desempenho de aplicativos em
localidades diferentes, também foi disponibilizada. A empresa demostrou ainda uma
rede de entrega de conteúdo, com base no Windows Azure, para streaming de mídia.

Outra novidade da Microsoft foi a versão 1.1 do projeto
Orchard, para entrega de aplicações e componentes reusáveis baseados no ASP
.Net. Entre as inovações do produto estão um recurso “Recipes” (receitas), para
configuração descomplicada, um painel de administração com novo design e
melhorias de workflow, entre outros itens. O Orchard traz um sistema de
gerenciamento de conteúdo e suporte a blogs.

A empresa também atualizou seu software ASP .Net MVC 3, com
ferramentas que incluem recursos com HTML5.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail