Home > Notícias

iPad 3: o que esperar do novo tablet da Apple

Analisamos os principais rumores sobre a terceira geração do aparelho; tela Retina e processador quad-core são apostas

Macworld / EUA

12/01/2012 às 11h16

Foto:

Os rumores sobre o que a próxima versão do tablet da Apple começaram a diminuir um pouco, o que significa que os “analistas de plantão” já meio que concordaram quanto ao que pensam que veremos no aguardado iPad 3. Confira abaixo os pontos mais prováveis:

Processador
Um novo processador é uma certeza para o iPad 3. Produtos rivais com
chips muito fortes chegarão ao mercado este ano. Por isso, a próxima
geração do tablet da Apple precisará de mais do que apenas uma tela
bonita para ficar à frente do seu enorme grupo de concorrentes.

Apesar de haver um consenso de que o novo processador será chamado de
A6, as opiniões divergem sobre se ele será um chip quad-core ou um
dual-core mais potente do que o A5. No entanto, com os processadores
quad-core tornando-se cada vez mais populares entre os aparelhos móveis,
seria uma decepção para muitas pessoas se o iPad 3 tivesse um
processador dual-core.

ipad2handson02.jpg

iPad: nova versão deve chegar até abril, com o mesmo preço do modelo atual

Tela
Aida há um pouco de debate sobre se o iPad 3 terá uma tela "maravilhosa". A maioria dos analistas de mercado especializados na Apple concorda que o painel de 9,7 polegadas será de qualidade QXGA – 2048 x 1536pixels com 270ppi (pixels por polegada) – e terá o nome “Retina”.

Para manter seu brilho, ela precisará de duas barras de LED. Os iPads atuais possuem apenas uma barra. Como um tablet não é muito mais que uma tela (pelo menos externamente), é seguro apostar que a Apple levará a tela do iPad 3 para outro nível, afim de manter sua posição de líder no mercado de tablets.

 

Bateria
Uma maior duração de bateria também é esperada no próximo iPad. Uma estimativa afirma que o tablet entregará o dobro da duração de bateria em relação ao iPad 2. No entanto, como os novos recurso do iPad 3 podem exigir mais energia – dual LED e  processador quad-core – essas estimativas de duração de bateria podem ser incorretas. Apesar de não ter sido muito comentado, existem rumores de que o próximo tablet da Apple poderá ser carregado sem a necessidade de cabos.

Câmeras
Como o último iPhone tem uma câmera de 8MP, nada mais natural do que esperar que o próximo iPad também tenha uma. No entanto, uma câmera de 5MP foi jogada na “bolsa de especulações”, o que pode significar algumas coisas. A Apple pode lançar um iPad 3 básico com uma câmera traseira de 5 MP. Ou a “maçã” pode vender o novo tablet com uma câmera traseira de 8MP e uma frontal de 5MP, o que poderia ser muito interessante para a realização de videochamadas no aparelho. Além dos 8 MP para fotos, também é esperado que o próximo iPad consiga gravar vídeos HD em 1080p.

Formato
O formato físico final do iPad 3 é uma área bagunçada entre os analistas. Alguns dizem que a terceira geração do tablet será mais grossa para acomodar a barra de LED extra, enquanto outros recorrem à história e lembram que os produtos da Apple nunca ficam mais grossos, apenas mais finos.

Outra ideia persistente quanto a isso é que a Apple vai produzir um “mini iPad” com uma tela de 7,85 polegadas, parecido com o rival Kindle Fire. No entanto, isso parece improvável por ir contra a visão da Apple de como um tablet deve ser. Ou seja, um aparelho para criação e consumo de conteúdo. Tablets de 8 polegadas são legais para consumo de conteúdo, mas não muito para a criação.

Data de lançamento e preço
As datas de lançamento dos produtos da Apple são um assunto de teorização eterna entre os analistas de mercado. Mas uma pessoa pode apostar, de forma tranquila, em um lançamento entre março e abril deste ano.

Por mais divididos que os rumores possam ser sobre o lançamento do iPad 3, é fácil concordar que o novo tablet terá o mesmo preço do anterior iPad 2. O que não está tão claro para os especuladores é o que acontecerá com a segunda geração do tablet da Apple quando o novo iPad chegar ao mercado.

Ao contrário do iPad 1, que passou para a área de aparelhos de segunda mão(refurbished, nos EUA), algumas pessoas dizem que o iPad 2 continuará a ser fabricado e vendido pela Apple, provavelmente com um preço menor do que o atual. A ideia seria enfrentar os tablets mais baratos. Esse parece ser um caminho mais lógico para a Apple, em vez de produzir um “mini iPad” mais barato.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail