Home > Notícias

iPad básico custa US$ 270 para Apple, diz analista

Lucro da empresa pode ultrapassar a margem de 50% em cada produto; o ganho fica maior à medida que se avança para os modelos mais completos.

Computerworld/EUA

01/02/2010 às 18h03

Foto:

De acordo com estimativas do analista Brian Marshall, da BroadPoint AmTech, o novo tablet da Apple – vendido a 499 dólares o modelo mais básico – deve custar à Apple cerca de 270 dólares por sua produção.

O valor inclui 10 dólares de mão-de-obra, mas não leva em conta outros 20 dólares da garantia. Nesse caso, o preço do iPad, com 16 GB e conexão Wi-Fi, chegaria a 290 dólares.

O componente mais caro na lista de preços de Marshall foi a tela LCD de 9,7 polegadas sensível ao toque, avaliada em 100 dólares. Os 16 GB de memória e a carcaça de alumínio saem por aproximadamente 25 dólares, e o processador da Apple, A4, foi cotado em 15 dólares.

Neste modelo de iPad, anunciado por 499 dólares, o lucro da Apple chega a 42,9%, com o preço da garantia embutido.

No caso do iPad com conexão 3G, a Apple ganha ainda mais. Segundo a empresa da maçã, o preço do iPad com conexão 3G sobe em 130 dólares, mas para a produção o aumento é de apenas 26 dólares. Dessa forma, o lucro da empresa vai para 52% em cada produto vendido.

Para o iPad de 32 GB com Wi-Fi, anunciado por 599 dólares, o custo de produção é de 316 dólares, segundo estimativas de Marshall. A margem de lucro foi cotada em 48,1%. O mesmo modelo, mas com conexão 3G, foi anunciado para o consumidor por 729 dólares; já para Apple o valor não passa de 332 dólares. Nesse caso, a margem de lucro aumenta para 55,1% - a mais elevada na análise.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail