Home > Notícias

iPad começa a despertar o interesse nas empresas

Existe uma projeção de que, nos Estados Unidos, dos mais 3 milhões de tablets da Apple vendidos, cerca de 1,2 milhão tem sido usado nas corporações

PC World/EUA

07/07/2010 às 15h43

Foto:

Mesmo com todas as previsões de que o
iPad - tablet PC da Apple - não teria aceitação no ambiente corporativo, diversas organizações ao redor do mundo aderem a esse tipo de equipamento. O sucesso do dispositivo deve-se, em grande parte, ao fato dele permitir aplicações móveis singulares.

A empresa
norte-americana Wells Fargo - grupo que atua na área de banco e transportes - aprovou o uso do iPad no ambiente
de negócios. Outras empresas como a SAP, a Tellabs Inc. e a Daimler (Mercedes
Benz) engordam a fila de organizações em que o tablet é usado para dar conta de
várias tarefas, que vão de acesso a email a apoio a processos
comerciais (liberação de envio de cargas e verificar opções de financiamento
de veículos, por exemplo).

Existe uma previsão da operadora AT&T de que, dos mais 3 milhões de iPads vendidos nos Estados Unidos, cerca de 1,2 milhão de equipamentos sendo usados dentro das organização.

Um diferencial do iPad para os smartphones é o tamanho do display. O único concorrente à
altura, por enquanto, são os netbooks. Estes últimos ganham em processamento, em
recursos e em baterias de longa duração. Por outro lado, o tablet PC da Apple leva vantagens nas questões de navegação e mobilidade, uma vez que combina a portabilidade do celular com a robustez dos computadores.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail