Home > Notícias

iPad mini e Kindle Fire HD custam quase o mesmo para serem produzidos

Com preço maior, a Apple está seguindo sua estratégia de marca premium. Enquanto isso, a Amazon está apostando em conteúdo ao vender tablet mais barato.

Sophie Curtis, Techworld.com

07/11/2012 às 17h02

Foto:

Análises do iPad mini da Apple e do Kindle Fire HD da Amazon feitos pela IHS iSuppli revelaram que os dois dispositivos custam quase o mesmo valor para serem fabricados, apesar de os preços de varejo serem significativamente diferentes.

De acordo com uma estimativa preliminar feita pelo “Teardown Analysis Service” da IHS iSuppli, o modelo base do iPad mini apenas com Wi-Fi e 16 gigabytes de memória flash NAND, traz uma lista de materiais que custam um total de 188 dólares. Quando o custo de fabricação de 10 dólares é adicionado, o custo total aumenta para 198 dólares.

Enquanto isso, o produto de entrada Kindle Fire HD, com tela de 7 polegadas, 16 gigabytes de memória flash NAND e apenas Wi-Fi, traz uma lista de materiais que custam um total de 165 dólares. Quando o custo de fabricação de 9 dólares é adicionado, o custo para produzir este modelo aumenta para 174 dólares. No entanto, enquanto o iPad mini é vendido por 329 dólares, o Kindle Fire HD custa apenas  199 dólares. Andrew Rassweiler, principal analista sênior de serviços de desmontagem para a IHS, explica que a Apple está mantendo a estratégia de marca premium que sempre usou para seu tablet de mídia e smartphones.

Veja também:

- Com preços altos, loja de e-books da Apple não compensa no Brasil

- Novo iPad mini é vendido por até R$2.700 em sites no Brasil

ipadmini_435

"A estratégia da Apple implica oferecer hardware diferenciado que justifica preços mais elevados do que os produtos comparáveis. Isso difere marcadamente o Amazon Kindle Fire HD e o Google Nexus 7, sendo que ambos são essencialmente produtos de margem baixa ou zero de lucro", disse ele. "Já a estratégia da Amazon com o tablet Kindle Fire HD de 7 polegadas não é realmente fazer dinheiro com o hardware em si. Ao contrário, a ideia é criar um produto a um preço atraente e ter a atenção do consumidor, a fim de colocar o conteúdo da Amazon e sua loja online nas mãos dos consumidores”, completou.

Rassweiler acrescentou que o Kindle Fire HD e o Google Nexus 7 criaram expectativas de preços ao consumidor para novos tablets de 7 polegadas, e que representam um desafio competitivo para o domínio da Apple. Ainda é muito cedo para dizer quem vai ganhar a guerra dos tablets de 7 polegadas. A Apple afirma ter vendido 3 milhões de iPads em três dias desde que o iPad mini e o iPad 4 foram colocados à venda nos EUA, mas a proporção de quais são iPad  mini não é clara.

kindlefirehd_435

O analista Gene Munster, da Piper Jaffray ,acredita que dos 3 milhões de iPads vendidos, de 2 a 2,5 foram iPads mini. Ele baseou sua estimativa em “linhas de pesquisas” que mostraram que "cerca de nove em cada dez clientes estava esperando para comprar um iPad mini ao invés de um iPad em tamanho real”.

Enquanto isso, a Amazon disse que o dia de lançamento do iPad mini foi o "maior dia de vendas do Kindle Fire HD desde seu lançamento", e que as vendas do dispositivo triplicaram semana após semana. No entanto, a  empresa nunca divulga os números de vendas para o dispositivo, por isso é difícil comparar os dois.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail