Home > Notícias

iPad turbina vendas de computadores da Apple em quase 200%

Tablet fez a empresa de Steve Jobs superar a Lenovo e assumir a quarta posição, no primeiro trimestre do ano

Macworld / Reino Unido

28/04/2011 às 15h19

Foto:

A Apple aumentou em 188% sua participação nas vendas de computadores no primeiro trimestre de 2011, de acordo com números da empresa de pesquisas Canalys. Com os 8.453.980 aparelhos vendidos no período, a “maçã” ficou em quarto no ranking das maiores empresas de computadores, laptops e tablets vendidos no período.

Assim, a companhia de Steve Jobs viu sua participação no mercado subir de 3,5% em 2010 para os atuais 9,5%, segundo informações da Canalys. A HP continua na liderança, mas viu sua participação cair de 18,8%, nos três primeiros meses do ano passado, para 16,6%, no mesmo período de 2011 – as vendas passaram de 15.597.690 para 14.687.210 unidades.

Em segundo lugar vem a Acer, que também viu sua participação cair: de 14,6% para 12,8%. Logo atrás, em terceiro, a Dell continuou à frente da Apple, com 11,3% de participação no mercado. A Apple desbancou a Lenovo, que aumentou sua fatia no mercado em 0,8%, mas foi deixada para trás pelas vendas da empresa de Steve Jobs.

Além disso, o estudo da Canalys mostra que o mercado de computadores como um todo cresceu 7% no primeiro trimestre de 2011, impulsionado principalmente pelas vendas de tablets. Como esperado, o iPad, da Apple, foi o grande vencedor às custas das vendas de notes e netbooks.

Durante o primeiro trimestre deste ano, os carregamentos de tablets alcançaram 6,4 milhões de unidades no mundo, com a Apple respondendo por 74% desse número, enquanto outras fabricantes se debatem por esse mercado.

Futuro
A Canalys espera que o próximo trimestre mostra uma mudança significativa no mercado, com a chegada de produtos de empresas como Acer, Asus, HP, LG e RIM.

A Apple deu continuidade à sua estratégia de controle do mercado de tablets, com o iPad ou iPad 2 disponíveis em 59 mercados mundiais até o final do primeiro trimestre deste ano. O impacto completo do lançamento do iPad 2 não será conhecido até os próximos trimestres, à medida que o produto chegue às mãos de mais  consumidores.

“À medida que o iPad 2 e seus competidores continuaram a chegar ao mercado, esperamos que as vendas de tablets impulsionem o crescimento do mercado de computadores para o restante do ano", afirma o analista da Canalys, Tim Coulling.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail