Home > Notícias

iPhone 3G na Argentina sai por 570 reais

Aparelho começou a ser vendido na Argentina e no Chile na última sexta, e preços caem de acordo com o plano escolhido pelo cliente.

Henrique Martin, da Macworld Brasil

25/08/2008 às 14h58

Foto:

Chile e Argentina são dois dos 22 países que receberam o iPhone 3G na última sexta-feira. O aparelho foi lançado pelas subsidiárias da Claro, e um levantamento feito pela Macworld Brasil mostra que o preço do telefone da Apple varia entre 187 reais e 1.092 reais, dependendo do plano escolhido pelo cliente. Os dois modelos de iPhone 3G - de 8 GB e 16 GB - estão sendo vendidos nesses países.

Na Argentina, o iPhone 3G mais barato custa em torno de 570 reais na versão de 8 GB e 796 reais na de 16 GB, com plano de 400 minutos, mensalidade de 123 reais e acesso ilimitado à internet. O iPhone argentino mais caro sai por 861 reais (8 GB) e 1.092 reais (16 GB) no plano de 160 minutos, mensalidade de 64 reais e 512 MB de uso na rede de dados. O site da Claro Argentina não informa se existe um período mínimo de contrato para comprar o iPhone 3G.

>>>Leia também:
Resolva mais problemas do iPhone 3G
iMac 10 anos: o computador que mudou o mundo
10 questões sobre o iPhone no Brasil
TubeTV faz downloads do YouTube

O Chile tem preços mais reduzidos ainda, graças a planos de no mínimo 18 meses e no máximo 24 meses de fidelidade à operadora Claro. Os iPhones mais caros saem por 714 reais (8 GB) e 908 reais (16 GB) no contrato de 18 meses com plano de 200 minutos, 62 reais de mensalidade e 100 MB de dados. O iPhone 3G mais barato no Chile custa em torno de 187 reais (8 GB) e 383 reais (16 GB) no plano de 400 minutos com 102 reais de mensalidade e 200 MB de dados. A Claro Chile cobra 53 reais adicionais para um plano de dados com acesso ilimitado à internet.

Veja a tabela com os preços do iPhone 3G na Argentina e no Chile, com valores convertidos na data de hoje (25/08):

iphone-latam

Apesar de Chile e Argentina terem preços similares, não é possível ainda estimar o preço do iPhone 3G no mercado brasileiro. De acordo com especialista consultado pela Macworld Brasil, o subsídio das operadoras no preço dos aparelhos é muito mais forte no Brasil do que em outros países da América Latina.

Na América Latina, o iPhone 3G já chegou também ao Uruguai, Peru, Paraguai, Equador, El Salvador, Colômbia, Guatemala e Honduras.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail