Home > Notícias

iPhone 4? Desculpe, mas acabou…

Aparelho não foi encontrado em nenhuma das lojas visitadas por nossa reportagem; operadoras reconhecem a falta e oferecem lista de espera

Cauê Fabiano, Macworld Brasil

21/09/2010 às 18h44

Foto:

O novo smartphone da Apple chegou ao Brasil no dia 17/9, com direito a lançamento à 0h e centenas de pessoas nas portas das lojas, entre compradores e curiosos. Para aqueles que não gostam de tumulto, basta visitar uma loja de sua operadora favorita alguns dias depois do lançamento e adquirir o iPhone 4, certo? Errado. 

Veja também:

Especial – Tudo sobre a chegada do iPhone 4 ao Brasil (http://migre.me/1mSN5)

Para pronta entrega, várias lojas já estão sem estoque. A reportagem da Macworld Brasil visitou as lojas das operadoras Claro, Oi, Tim e Vivo no Shopping Vila Olímpia, em São Paulo, e em nenhuma o celular estava disponível; ele somente poderia ser retirado após feita reserva. Na Claro e na Vivo, os funcionários informaram que a loja deveria ser abastecida ainda esta semana, mas não souberam dizer quantos dispositivos seriam entregues. 

No caso da Oi, o vendedor garantiu que, se o pedido fosse efetuado pela manhã, o smartphone poderia entregue no mesmo dia, no final da tarde. Na revenda da TIM do shopping, a previsão era ainda mais pessimista: iPhone 4? só no mês que vem, por volta do dia 20/10.

iphone41.jpg

iPhone 4: aparelho já sumiu de várias lojas

Consultadas pela redação da Macworld Brasil, as operadoras admitiram a falta do produto e em geral disseram que dependem primeiramente da Apple para repor os estoques das lojas. A Oi declarou que “devido à grande procura, os estoques de algumas lojas já se esgotaram”, e que estão providenciando também a distribuição dos chips Micro-Sim e dos aparelhos. A Oi pretende, em breve, realizar a venda do novo smartphone da Apple a partir do Call Center da empresa.

Já a Claro, apesar de reconhecer a falta do dispositivo, informou que a “comercialização está dentro do previsto” e que o estoque será reabastecido.  A operadora Vivo disse que vai reabastecer as lojas de acordo com a necessidade e a TIm declarou que o aparelho não está disponível “em todas [as lojas], só nas principais”, e que repõe os estoques das mesmas assim que ele acaba. Em todas as operadoras o cliente pode entrar em contato e adicionar o nome à uma lista de espera, e ser informado quando pode receber o aparelho.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail