Home > Notícias

iPhone 4S x smartphones com Android: veja quem tem a maior duração de bateria

O novo aparelho da Apple tem sido criticado por problemas de autonomia; saiba como ele se saiu contra oito rivais

PCWorld/EUA

07/11/2011 às 16h34

Foto:

O problema de consumo exagerado de bateria do iPhone 4S tem sido muito discutido nos últimos dias. Aparentemente, os serviços de localização no iOS 5 são os principais “vampiros”, culpados pela perda rápida de carga. A Apple admitiu a falha e trabalha no  iOS 5.0.1, um update futuro que promete corrigir o problema. 

Mas o novo modelo de iPhone não é o único smartphone com problemas relacionados à autonomia de bateria. Por exemplo, o HTC ThunderBolt e o Samsung Charge, lançados nos EUA este ano, foram alvos de duras críticas dos consumidores , quando os aparelhos estavam conectados à rede 4G da Verizon.

Leia também:
Apple expulsa hacker que descobriu falha grave de segurança na App Store

Quisemos saber como é o desempenho do novo iPhone 4S comparado a outros smartphones no mercado (eles estão listados na tabela logo abaixo). Trata-se de uma comparação por amostragem, e não se trata de um teste definitivo. A equipe da PC World americana utilizou a versão do iPhone 4S com a operadora AT&T. 

iPhone4s300

iPhone 4S: apesar das queixas, ele ficou em terceiro em nosso teste

Como foram feitos os testes?
A duração da bateria foi analisada durante a execução de um arquivo típico de vídeo com brilho no máximo e com volume alto o bastante para ser ouvido em um escritório, enquanto o aparelho permanecia ligado à rede Wi-Fi.

O vídeo exibido é um trailer de animação em 720p,  que permaneceu em loop contínuo, até a bateria acabar completamente, e o tempo foi marcado com um cronômetro comum. Foram feitos duas rodadas de testes, para que a média de tempo pudesse ser calculada em horas e minutos.  

Os resultados
O grande campeão foi o Samsung Epic Touch 4G, com 7 horas e 22 minutos de duração de bateria. Em segundo veio o T-Mobile MyTouch 4G Slide, com 6 horas e 33 minutos e, surpreendentemente, o iPhone 4S chegou em terceiro, com um tempo de 6 horas e 14 minutos, apesar de toda a controvérsia e dos problemas a respeito da bateria.

Os outros celulares tiveram marcas parecidas, mas significativamente menores; não pareceu importar qual era a fabricante, já que os resultados dos últimos lugares eram uma mistura de celulares da LG, Motorola e HTC. 

tabelatempobateriasmartphones01.png
Novo modelo do iPhone ficou com a medalha de bronze

O enigma da bateria
A julgar pelos resultados. a bateria do iPhone 4S na verdade parece boa. Felizmente, há diversas maneiras de preservar a bateria do seu aparelho: ajustar o brilho da tela, desligar serviços de localização, adquirir uma bateria extra (não é válido no caso do iPhone), comprar um case com bateria, maneirar no GPS, e assim por diante.  

Mas, afinal, por que os donos devem limitar o uso de seus aparelhos? A tecnologia dos dispositivos está evoluindo rapidamente, ganhando desde telas 3D, processadores quad-core até redes mais rápidas.

Entretanto, o que adiante ter um processador extremamente rápido em um dispositivo móvel se o usuário pode aproveitar apenas algumas horas de uso antes de ter que plugá-lo na tomada de novo? O termo “móvel” acaba caindo por terra.  

Infelizmente, a vida útil de bateria continuará sendo um grande problema para os smartphones nos próximos anos. Com processadores cada vez mais poderosos, e com o aumento do número de celulares que optam pela tecnologia LTE, as cargas se tornam cada vez mais frequentes.

Há boas notícias, mas que ainda permanecem no horizonte distante: de acordo com Ramon Llamas, pesquisador-sênior do IDC Mobile Devices Technology and Trends, os produtos de carregamento móvel irão evoluir e melhorar, incluindo cases com baterias extras - e, com esperança, mais longas.

O iPhone 4S deve ser lançado no Brasil até o final do ano. Ainda não há previsão de disponibilidade no País dos outros modelos.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail