Home > Notícias

iPhone e iPad: Apple domina navegação na web em tablets e smartphones

Segundo estudo, browser Safari foi responsável por mais da metade da navegação em aparelhos móveis; segmento cresceu no último ano.

IDG News Service / EUA

01/09/2011 às 18h30

Foto:

A navegação por browser em aparelhos móveis mais do que dobrou no último ano e agora representa mais de 6% de toda a atividade online, aponta um estudo da empresa de estatísticas web Net Applications.

E o Safari da Apple – o navegador padrão do iPhone, iPad e iPod Touch – domina o uso nesse quesito, representando 53% do mercado de navegação mobile.

Duas tendências estão claras, disse o vice-presidente da Net Applications, Vince Vizzaccaro. Uma, disse o executivo, é que “os smartphones e tablets estão roubando uma fatia de navegação dos desktops em um ritmo acelerado”.

Os usuários ainda fazem praticamente toda a sua navegação web a partir de um desktop ou notebook, de acordo com os números da empresa, mas isso está mudando. Há um ano, a navegação via desktop respondia por 97,2% do mercado, contra 93,2% registrados em agosto deste ano.

A outra tendência é a clara vantagem da Apple. Nos últimos 12 meses, a participação do Safari aumentou em 9,3 pontos porcentuais, e agora o navegador da “maçã” possui uma participação majoritária no mercado de navegação em tablets e smartphones.

Android
Mas o sistema rival Android também ganhou terreno no último ano, aumentando sua participação de 8,1% para 15,7% no período. O sistema da Google domina o mercado de smartphones nos EUA, mas continua bem atrás da Apple quando o assunto é tablet.

O claro perdedor dessa história tem sido o navegador Opera Mini, que perdeu 12,5% de participação no ano, reduzindo sua fatia para 20,8%. O navegador Symbian, que roda nos smartphones da Nokia, também foi afetado pelo aumento de vendas dos aparelhos iOS e Android: caiu 3,6% nos últimos 12 meses e agora controla apenas 5,8% do mercado.

O iPhone e o iPad correspondem à maior parte da participação do Safari, com o primeiro respondendo por 27,4% de toda navegação em agosto, enquanto o tablet da Apple ficou 22,5% no mesmo período.

A Net Applications acaba de renovar a maneira como rastreia o uso dos navegadores ao separar a atividade online de tablets e smartphones de desktops e notebooks, uma mudança que Vizzaccaro diz ter sido feita em razão do crescimento da navegação no mercado mobile.

A companhia de métricas calcula o uso de browser com dados obtidos a partir de mais de 160 milhões de visitantes únicos que navegam por 40 mil sites que a companhia monitora para seus clientes. Para mais detalhes sobre o levantamento, confira o site da empresa.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail