Home > Notícias

“Jobs sempre pensava à frente dos outros”, diz Wozniak

Em entrevista para a CNN, Woz se mostrou abalado ao lembrar do amigo com quem fundou a Apple nos anos 1970; executivo teve morte confirmada ontem

Redação Macworld Brasil

06/10/2011 às 14h12

Foto:

“Ao criar um produto, ele sempre pensava para frente, no que você poderia
fazer com isso e em como isso afetaria a sociedade.” Foi assim que Steve Wozniak lembrou
do companheiro na criação da Apple, Steve Jobs, em entrevista para a emissora americana CNN na manhã de hoje, 6/10. A Apple confirmou a morte de Jobs, aos 56
anos, na noite de ontem.

Claramente abalado, Woz, como é conhecido o parceiro de Jobs, também relembrou que
no início da empresa, quando a dupla revolucionou o mercado de computação com o Apple II nos anos 1970, eles não tinham ideia de que o estavam
fazendo teria tamanha importância.

“Nós sabíamos que estávamos um passo à
frente do que estava sendo feito, mas não imaginávamos que teria toda essa
projeção, que mudaria tudo. Mas fico muito feliz por Steve ter ficado lá e ter continuado no
jogo.”

Além disso, Wozniak destacou o fato de o amigo ter alcançado
todo seu sucesso mesmo sem possuir um diploma na faculdade. “É incrível que a
maioria das empresas hoje provavelmente não contrataria alguém sem um diploma
em muitos casos e aqui temos Steve Jobs sem esse diploma e que conseguiu fazer
tudo isso.”

Na entrevista, que dura quase 10 minutos, Woz se refere a
Jobs como “um grande visionário e líder” e ainda aproveita para lembrar o lado mais pessoal de Jobs, que segundo ele "era um ótimo pai, que amava muito sua família".

Leia também:

- Como fica a Apple sem Jobs

- Após morte de Jobs, biografia oficial bomba e tem lançamento antecipado

jobswozgaragem01.jpg

Jobs (esq) e Wozniak criaram a Apple em uma garagem nos anos 1970

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail