Home > Notícias

Justiça dos EUA ameaça processar Apple por “esquema” com preços de e-books, diz WSJ

De acordo com jornal norte-americano, DOJ alertou a companhia e cinco editoras de livros sobre uma suposta conspiração para determinar preços de livros eletrônicos

Macworld / EUA

09/03/2012 às 12h37

Foto:

O Departamento de Justiça (DOJ) dos EUA alertou a Apple e cinco editoras de livros dos EUA de que está planejando entrar com processos contra eles por uma suposta conspiração para determinar preços de e-books, informa uma reportagem do Wall Street Journal.

De acordo com o jornal norte-americano, que cita fontes não reveladas, o DOJ está preparando processos contra a Apple e as editoras Simon & Schuster, Hachette Book Group, Penguin Group, Macmillan, and HarperCollins Publishers.

Um oficial de justiça do Departamento disse aos legisladores dos EUA em dezembro do ano passado que a agência federal estava investigando o ajuste de preços de e-books. Esse anúncio foi seguido por um da União Europeia, que disse que tinha iniciado uma investigação sobre a Apple e as mesmas cinco editoras.

Procurada pela nossa reportagem, uma porta-voz do Departamento de Justiça se recusou a comentar o assunto, mas disse que a investigação sobre os e-books continua aberta.

Até o fechamento dessa reportagem, a Apple não havia respondido ao nosso pedido de comentário.

Os críticos acusam a Apple e as cinco editoras de ajustarem os preços em resposta a uma tentativa da rival Amazon de introduzir uma média de 9,99 dólares para a maioria dos e-books.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail