Home > Notícias

Lenovo interrompe negociação com Positivo, mas aquisição pode sair

Grupo chinês avaliou compra da fabricante brasileira, mas decidiu não tomar qualquer decisão no momento, diz reportagem.

Redação do IDG Now

17/12/2008 às 12h45

Foto:

O grupo Lenovo avaliou a possibilidade de adquirir a Positivo Informática, mas decidiu não tomar qualquer decisão, pelo menos por enquanto, disse uma pessoa familiarizada com as deliberações da Lenovo, informou o The Wall Street Journal, nesta quarta-feira (17/12).

"A oportunidade estava lá" disse a fonte. "Mas a Lenovo decidiu não ir em frente com isso neste momento." A pessoa se recusou a explicar o porquê de a fabricante chinesa de computadores não ter concluído a compra da Positivo.

As ações da Positivo Informática têm oscilado nas últimas semana, desde que a imprensa brasileira informou que a Lenovo e a Dell estavam fazendo ofertas pela empresa, que detém 13,2% do mercado brasileiro de PCs.

Um porta-voz da Lenovo, o quarto maior fabricante de PCs em unidades vendidas, disse que a companhia não tinha nada a dizer sobre aquisições. O Chief Executive Officer da empresa, Bill Amelio, já comentou que a Lenovo estava se concetrando em investimentos para "ganhar escala e consolidar a indústria."

Nesta quarta-feira, as ações da Lenovo tiveram uma alta de 8,8% fechando a 28 centavos de dólar na bolsa de Hong Kong. Por volta das 13h30 desta quarta-feira (17/12), as ações da Positivo registravam queda de 23,73% na Bolsa de Valores de São Paulo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail