Home > Dicas

Mac: por que você deve usar o recurso Spaces do Mountain Lion

Ferramenta do OS X permite ganhar tempo e aumentar produtividade até mesmo em tarefas básicas. Saiba como fazer isso.

Macworld / EUA

20/03/2013 às 17h45

Foto:

Se você ganha sua vida trabalhando em um computador, como eu, provavelmente sempre busca maneiras de ser mais produtivo. Mesmo que use o Mac apenas para diversão e/ou tarefas básicas, ainda assim vai querer ser mais eficiente. Usamos muitos aplicativos nos nossos Macs, e uma das coisas que podem nos atrasar é navegar entre as muitas janelas de diversos apps para encontrar aquela que queremos. O recurso Spaces, do Mountain Lion, pode tornar seu trabalho mais eficiente e produtivo ao te permitir configurar desktops virtuais, todos “limpos e arrumados”, para que você possa se focar no que precisa fazer e não seja distraído por outros aplicativos.

Os Spaces fazem parte do Mission Control, o recurso embutido do Mac para ter uma imagem de todo app e janela abertos no momento em sua máquina. Só para lembrar, é possível acessar o Mission Control de várias maneiras: clicando no ícone do recurso no Dock, apertar a tecla F3, ou, se preferir, configurar um movimento de deslizar três dedos no trackpad multitouch.

Caso nunca tenha usado o Spaces, é preciso saber primeiro o que esse recurso faz. Olhe para a tela do seu Mac: deverá ver algumas janelas, uma sobrepostas a outras, e talvez encontre o Desktop (Mesa) atrás delas. Às vezes você pode mover uma janela aqui ou ali para ter uma visão melhor de algo: um site no Safari, alguns arquivos no Desktop, ou seu app do Twitter. Por menores que esses movimentos sejam, eles se acumulam – e a soma total é a sua perda de tempo no dia-a-dia.

macspaces01.png

Uma maneira melhor

Com o Spaces, você pode organizar seus apps e janelas para que eles fiquem todos visíveis em desktops separados, em vez de todos no mesmo local. Quando quiser ver um aplicativo específico, você pode mudar para esse app, ou para seu “espaço”, e vê-lo sem nenhum obstrução. E, usando o Mission Control, você pode ter uma visualização completa de todos os seus espaços, e todas as suas janelas (como na imagem abaixo, por exemplo).

Como você pode ver na imagem, tenho seis “espaços”, ou Desktops, alguns dos quais tem janelas, e outros sem. Além disso, o ITunes aparece à direita, como se estivesse em seu próprio espaço, porque mantenho o programa no modo tela cheia (full-screen). Qualquer aplicativo em tela cheia “ganha” seu próprio espaço de forma automática.

Para assegurar que posso trabalhar de forma eficiente,  e sem interrupções, configuei meus aplicativos em espaços diferentes. Por exemplo, o primeiro Desktop possui algumas janelas do Finder, Safari, e Scrivener, que utilizo para a maioria dos meus textos. A vantagem é que, como normalmente preciso visualizar páginas da web quando estou trabalhando, posso mudar a janela do Scrievener para um lado e ver o Safari e meu texto ao mesmo tempo no meu monitor de 27 polegadas.

macspaces02.png

Fico de olho nas notícias via RSS e Twitter, por isso tenho os apps NetNewsWire e Twitterific juntos em um espaço próprio. Essa ação tem a vantagem de não permitir que esses apps me distraiam enquanto recebem novos conteúdos enquanto estou focado em outra coisa.

Tenho uma tela Desktop com o BusyCal, meu app de calendário. Não é de tela cheia, mas preenche a maior parte dela, e posso mudar para ele sempre que necessário. Não olho com frequência para o BusyCal, mas quando quero, posso ver sua janela inteira de maneira fácil.

Outro espaço contém o Evertnote e o Lembretes, que utilizo para tomar notas e registrar reuniões e outros compromissos. Novamente, não preciso vê-los com muita frequência, por isso se fizessem parte do meu Desktop principal, apenas ficariam no caminho.

Por último, tenho dois espaços vazios: um tem um fundo branco, e o outro azul. Costumo usá-los quando preciso de screenshots para reportagens. 

Marque apps em espaços

Se você realmente quer ser eficiente com o Spaces, deveria marcar os aplicativos em telas específicas. Essencialmente, isso “trava” um determinado app ao espaço para o qual foi assinalado (foi assim que consegui a configuração citada acima). Para fazer isso, acione o Misison Control. Mova o cursor para o canto superior direito da tela até aparecer um sinal de mais (+), então clique nele para adicionar um espaço. Arraste uma janela do Desktop principal para o novo space recém-criado, e então clique nele. Esse é o processo geral para criar um novo espaço – mas agora vamos falar de algo mais avançado e dizer ao Mountain Lion que você quer seu app “viva” no espaço que acabou de criar.

Clique no ícone do app no Dock, e escolha Opções > Atribuir a > Esta Mesa se quiser que o app apareça apenas no espaço em questão. Ou selecione Todas as Mesas se quiser que sempre apareça, não importando qual espaço está visível. Dessa maneira, você controla em qual ou quais espaços um determinado fica visível. 

Troca rápida de apps

Existem algumas maneiras que uso para mudar de um espaço/app para outro. O atalho padrão Command+Tab que permite fazer essa troca entre apps: aperta Command+Tab para acionar o mecanismo de troca de apps, então continue segurando Command e aperte Tab para navegar pelos apps.

Também é possível trocar os espaços usando um deslizar com três dados no trackpad. As preferências do Trackpad (aba Mais Gestos) descrevem isso como deslizar entre apps de tela cheia, mas também muda os espaços.

Por fim, você pode usar o Mission Control para mudar os espaços. Abra-o e então clique no espaço de sua escolha.

Foque em apenas uma janela

Se quiser focar e apenas uma janela de aplicativo, você pode movê-la para um novo espaço, onde verá apenas essa janela (e o desktop atrás dela), e onde não será distraído por outras janelas. Para fazer isso, mude para o espaço contendo a janela que quer isolar. Acione o Mission Control, do modo que preferir, e então clique na janela que quer mover e arraste-a ao espaço desejado.

Quando “pegar o jeito” do Spaces, você vai ver que ficará mais produtivo e menos distraído que “querem” sua atenção. Também poderá mudar de forma mais fácil para aplicativos diferentes e visualizá-los sem janelas no caminho. Teste o Spaces e deixe seu Mac mais fácil de ser gerenciado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail