Home > Notícias

Mais da metade dos jovens acessa a web sem supervisão de adultos

Pesquisa do MSN revela também que 29% dos adolescentes já sofreram intimidação online. Pais precisam orientar, diz Microsoft.

Redação da PC Advisor / Reino Unido

10/02/2009 às 16h35

Foto:

Mais da metade das crianças que navegam na internet o fazem sem supervisão de adultos. É o que mostra pesquisa comandada pelo MSN e que estudou o hábito de 20 mil adolescentes entre 14 e 19 anos na Europa. O estudo revela que 29% deles admitem já terem sofrido algum tipo de intimidação online.

Saiba mais sobre internet segura:
> Podcast: web é novo espaço público
> Saiba reforçar sua segurança online
> Funcionário deve se comprometer com segurança

"Estamos surpresos que mais de 50% dos adolescentes não passam por qualquer controle dos pais" disse John Mangelaars, líder das divisões de consumidor e online da Microsoft na Europa. "Os adolescentes precisam de ajuda e orientação sobre como lidar com questões como intimidações online", acrescenta.

A pesquisa é anunciada no mesmo dia em que a Comissão Europeia revela um novo guia de segurança destinado a proteger jovens usuários de internet. A cartilha é assinada por vários sites populares entre os adolescentes, incluindo o Facebook, Bebo e YouTube, e foi feita como parte da iniciativa Dia da Internet Segura.

Ao assinar o acordo, as empresas aceitaram implementar passos que protejam mais os menores de idade, incluindo um botão para "Reportar Abuso" e tornando padrão proibir a criação de perfis por menores de 18 anos, por exemplo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail