Home > Dicas

Maxthon é um navegador rápido, gratuito e tão eficiente quanto os outros

Navegador mostra páginas web com precisão e traz várias ferramentas úteis já integradas.

Ian Harac, PCWorld EUA

09/07/2012 às 12h32

Foto:

O Maxthon 3.4 é um navegador web alternativo, um dos muitos que brigam pela pequena fatia do mercado que não é dominada pelo Firefox, IE ou Chrome. É gratuito, tem uma interface minimalista e vários recursos integrados que, em outros navegadores, teriam de ser implementados com plugins.

Baseado no Webkit, o mesmo sistema de processamento de HTML usado em navegadores como o Chrome e Safari, o Maxthon é rápido. E ao longo de vários dias de uso normal não encontrei um caso sequer de uma página web que aparecesse corretamente em um outro navegador mas não no Maxthon. Isso ocorre por causa do sistema de renderização duplo, recurso implementado há cerca de um ano: se o navegador detectar que uma página não será exibida corretamente usando o Webkit, ele troca de forma transparente para o Trident, o sistema usado pelo Internet Explorer. 

A interface do Maxthon é familiar a qualquer um que tenha usado um navegador nos últimos cinco anos, com apenas alguns pontos onde é necessário pausar por alguns segundos para entender como as coisas funcionam. Por exemplo, demorei um pouco para notar que o modo de navegação privada era uma opção oculta atrás de um rosto azul na barra de ferramentas.

maxthon_main-360px.jpg
A interface principal do Maxthon

Há muitas coisas legais no Maxthon, incluindo itens que em outros navegadores tem que ser implementados com extensões ou complementos. Entre eles um bloqueador de anúncios e uma ferramenta para vasculhar uma página em busca de links para arquivos e baixar todos de uma vez. A navegação privada ocorre em uma janela separada que pode comportar quantas abas você quiser, como no Google Chrome, uma solução muito melhor que o método “modal” do Firefox. A barra de favoritos inclui também uma lista de sites mais visitados, que é preenchida automaticamente. E há um botão “Mudo”, muito útil para quando um site começa a tocar música a todo volume sem seu consentimento.

Algumas coisas não funcionam tão bem. A ferramenta para download de vídeos não funciona no YouTube, embora os desenvolvedores digam que o problema será corrigido em breve. E uma questão pessoal: prefiro uma barra de menus tradicional no topo da janela em vez da barra de ferramentas com ícones.

Eu não teria problemas em usar o Maxthon como meu navegador principal. Ele faz bem o serviço e tem vários recursos bastante convenientes. O principal problema é que embora ele “funcione bem”, os concorrentes também, e tem mais opções e melhor suporte. O Maxthon é limpo, rápido, funcional e competente, mas não é extraordinário.

O Maxthon é gratuito, então não há motivo para não experimentar. Os recursos integrados ajudam a evitar o “inchaço” causado por múltiplos add-ons e reduzem as chances que de uma futura versão do navegador inutilize uma ferramenta da qual você necessita, como pode acontecer no Firefox. Vale uma olhada.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail