Home > Notícias

Mercado aquecido de servidores supera expectativas do 1º trimestre

Nos primeiros três meses de 2008 foram vendidos quase 1/3 do total de servidores comercializados no Brasil no ano passado todo.

Redação do Computerworld

24/06/2008 às 12h20

Foto:

A consultoria IDC revela que as vendas de servidores com preço médio de 25 mil dólares tiveram resultados acima das expectativas no primeiro trimestre deste ano no mercado brasileiro.

O mercado de servidores desse tipo, composto basicamente por aqueles baseados em processadores X86, esteve bastante aquecido no primeiro trimestre de 2008, acusando queda de apenas 2% em relação aos três últimos meses do ano passado, contrariando a estimativa inicial de queda de 10% no volume de vendas. Segundo a IDC, 95% dos servidores no País são baseados em x86.

Em 2007, o mercado de servidores ultrapassou as 90 mil unidades vendidas e o último trimestre foi de quase 30% deste total. A IDC diz que tradicionalmente os finais de ano são mais fortes em vendas.

A forte demanda no segmento de pequenas e médias empresas, a expansão das grandes companhias, a relativa estabilidade econômica e mais facilidade de acesso ao crédito são os principais impulsionadores deste mercado. Vale ressaltar que o aumento dos investimentos estrangeiros no país e a moeda local valorizada frente ao dólar também favorecem a importação de componentes e barateiam o preço dos servidores no final da cadeia.

Segundo a IDC, a acirrada concorrência e agressividade dos principais fornecedores deste mercado, como Dell, HP e IBM, espremem os fabricantes menores e os integradores que têm concentrado sua atuação em nichos pela menor competitividade e ganho de escala. Ao contrário do mercado de PCs, o segmento de servidores até 25 mil dólares é mais concentrado, sendo que a categoria denominada "Others", composta pelos pequenos fabricantes e integradores, possui representatividade bem menor.

Embora a IDC estime que o mercado de "PC as a Server" ou "Desk Server" (Desktops sendo usados como servidores) ainda seja relativamente grande, principalmente no segmento de pequenas e médias, a queda no preço do hardware mais robusto aliada à necessidade de implementação e aperfeiçoamento de sistemas de gestão têm motivado este segmento a comprar soluções mais robustas e de maior disponibilidade.
++++
Quando se trata de investimentos mais planejados em servidores, storage e rede nas pequenas e médias empresas, a IDC avalia que há uma tendência das organizações em optar por fornecedores de marca reconhecida, principalmente pelos aspectos de padronização, tempo de entrega, garantia e preços agressivos.

A consultoria alerta que isso não significa, porém, que o espaço para fornecedores menores e integradores se extinguirá, apenas tende a mudar de cara. Atendimento personalizado, serviços especializados, capacidade de oferecer características de hardware e configurações específicas e relacionamento garantirão o espaço destes outros fornecedores.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail