Home > Notícias

Microsoft descontinua Xbox 360 Pro e introduz novas versões do console

A partir de 3/2 chegam às lojas o Xbox 360 Arcade (R$ 1.249), sem HD, e o Elite (R$ 1.999) na cor preta e disco de 120 GB.

Nando Rodrigues, da PC World

02/02/2010 às 12h47

xbox_360_arcade_elite_150.jpg
Foto:

A época pode não ser a mais propícia, afinal começo de ano é o momento no qual o consumidor está às voltas com pagamentos de impostos e, os pais, com a compra de material escolar para os filhos. Mas isso não impediu a Microsoft de reformular sua linha de games e lançar, a partir desta quarta-feira (3/2) dois novos kits oficiais do console Xbox 360: Arcade e Elite, e que vêm acompanhados dos jogos Fable II e Banjo-Kazooie, além de cabo HDMI.

O console Arcade é o mais barato – 1.249 reais – chega na cor branca, tem 256 MB de armazenamento interno, controle sem fio, cabo de áudio e vídeo e não tem HD. Já o Xbox 360 Elite, mais completo e mais caro (1.999 reais), vem na cor preta, vem com HD de 120 GB e os mesmos acessórios do modelo Arcade, além de controle remoto, só que na cor branca.

xbox_360_arcade_elite_300
Xbox 360 Arcade (branco) e Elite: nova estratégia

O gerente de marketing para linha Xbox 360 da Microsoft Brasil, Guilherme Camargo, explica que a estratégia usa pela empresa foi oferecer dois modelos de console para atender públicos diferentes. “Para quem não tem interesse em jogar online, o Arcade é o console ideal. E, ele ainda terá a opção de comprar o HD no futuro”, diz. Segundo Camargo, o disco de 60 GB, além de acessórios como controles sem fio e o kit Play and Charge, tudo na cor preta, estarão disponíveis a partir do final de fevereiro, mas os preços ainda não foram definidos.

Xbox 360 Pro
A versão anterior do console da Microsoft, que atualmente custa 1.499 reais, está sendo descontinuada. Camargo diz que os modelos que ainda estão em estoque (para cerca de 3 ou 4 meses) nas lojas continuam a ser vendidos – não haverá mudança no preço, que foi reduzido em dezembro, por conta das vendas de Natal. O preço mais alto que o Arcade se justifica pela presença do HD no modelo antigo.

As vendas neste período, aliás, surpreenderam a Microsoft. Camargo conta que, diferentemente do Natal de 2008, quando o Xbox 360 Pro era vendido a 2.299 reais, as vendas de final de ano foram muito boas. “O Natal de 2008 foi muito magro. O período compreendido entre outubro e dezembro e que compreende o Dia das Crianças foi o ápice da crise [econômica]”. Sem revelar números, o gerente diz que no mesmo período de 2009 as vendas cresceram quase cinco vezes. “A redução do preço, nesse mercado, tem um impacto muito grande. Um game 20 reais mais barato pode significa o sucesso ou o fracasso de um título”, completa.

Mercado em crescimento
Números nesse setor são coisa rara. Camargo diz que para cada console vendido no mercado formal, pelo menos outros dez entram no Brasil por meio de canais alternativos, como importação ilegal ou compras feitas no exterior por quem viaja. Nesse contexto, o gerente diz que a Microsoft tem entre 10% e 15% do mercado formal. Sem citar fontes, ele diz que a Sony, líder do mercado no setor de consoles, vendeu perto de 1 milhão de consoles no Brasil em 2009.  “Queremos ampliar nossa fatia este ano para pelo menos 20% do mercado de consoles”.

gamesshutter_625.jpg

A Microsoft já anunciou que vai lançar o Natal, seu projeto de controle comandado por movimentos, no final do ano. “O Natal nos põe a frente da Nintendo [com o Wii] e da Sony [que recentemente mostrou seu controle acionado por movimento] porque o usuário é que se transforma no controle do game. Agora, a concorrência é que terá de correr atrás de nós”, diz Camargo.

Novos títulos
Ainda no primeiro semestre de 2010, será lançada uma nova versão do Lips para o Xbox 360, o Lips: Party Classics, com sucessos musicais que abrangem as décadas de 1960 até 1990. O game trará um sistema interativo no qual o jogador interage com o game por meio de um microfone sem fio com sensor de movimento que influi na ação do personagem na tela.

Outros dois títulos serão lançados com exclusividade para a plataforma da Microsoft. O Crackdown 2 – sequência do jogo de ação que se passa em uma cidade invadida por mutantes e tomada pelo caos – e Alan Wake, título de ação em terceira pessoa que tem como principal característica a liberdade de movimento e suspense.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail