Home > Notícias

Microsoft irá cobrar por alguns dos melhores recursos do Xbox One

Gravação de partidas, streaming de vídeo ou jogos multiplayer irão exigir uma conta “Gold” no Xbox Live, que custa US$ 60 anuais.

Jared Newman, TechHive

08/08/2013 às 13h48

XboxOne_Geral-435px.jpg
Foto:

A Microsoft já falou muito sobre o “in-game DVR”, um recurso do Xbox One que permite ao jogador gravar e compartilhar vídeos de suas partidas com seus amigos. Mas agora a empresa diz que o recurso só estará disponível aos usuários que tem uma conta “Gold” na rede Xbox Live, que custa US$ 60 mensais.

O Xbox One grava automaticamente os cinco minutos mais recentes de cada partida jogada. Os jogadores podem então rever as gravações e compartilhá-las. A exigência de uma conta Gold no Xbox Live foi confirmada nesta semana pelo site One Hit Pixel.

xboxone_dvr_forza5-600px.jpg
Usando o gravador de vídeo em Forza 5, um dos jogos do Xbox One

Este não é o único recursos que a Microsoft está reservando aos pagantes. Assim como no Xbox 360 os jogadores precisarão de uma conta Gold para disputar partidas multiplayer online e usar apps de streaming de vídeo como o Netflix, ou fazer chamadas de vídeo usadn o Skype. Em outras palavras, Microsoft está tentando transformar uma assinatura do Xbox Live uma parte integrante da experiência com o Xbox One.

É uma estratégia que constrasta fortemente com a adotada pela Sony no PlayStation 4, que só exigirá uma assinatura do serviço PlayStation Plus para partidas online. Ela não será necessária para streaming de vídeo, gravação de partidas ou acesso a jogos gratuitos.

O Xbox One terá um HD de 500 GB, player de Blu-ray, Wi-Fi e uma nova versão do sensor Kinect integrados. O console, que chega às lojas em Novembro, já está disponível para pré-venda no Brasil com preço sugerido de R$ 2.199.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail