Home > Notícias

Microsoft irá lançar número recorde de correções neste mês

No total, Patch Tuesday terá 16 updates de segurança, sendo que quatro atualizações críticas atingem também o Windows 7.

PC World/US

07/10/2010 às 19h02

Foto:

A próxima terça-feira (12/10) é dia do fatídico “Patch Tuesday” da Microsoft, ocasião em que a empresa libera as correções mensais para seus programas. Aos administradores de TI, um aviso: deixem a semana livre para possíveis imprevistos, pois serão 16 atualizações de segurança.

É um novo recorde, que antes pertencia ao último mês de agosto, com 14 updates. Além disso, outra marca quebrada é o número de vulnerabilidades a serem corrigidas: 49.

Segundo Andrew Storms, diretor de operações de segurança da nCircle, o índice não chega a ser surpreendente: “Outubro costuma ser um mês complicado, e isso mais uma vez foi reforçado pelos 16 boletins de segurança enviados e as 49 falhas encontradas. A teoria por trás desse tendência é que a maioria das empresas fica muita receosa em relação à sua infraestrutura à medida que o fim do ano se aproxima. Em especial o setor financeiro e de varejo costumam interromper qualquer mudança, visto ser a época mais movimentada em suas atividades online”.

O alerta antecipado da Microsoft serve para as empresas se prepararem, mas, ainda assim, informações mais específicas a respeito das atualizações não foram reveladas. Só se tem notícias dos números: 16 updates no total, sendo que quatro, em termos de importância, são críticos, dez importantes, e dois moderados.

Deve-se ressaltar que as quatro correções críticas também valem para o Windows 7 – por mais que uma delas seja para o Internet Explorer. É um valor alto e pouco usual para o SO, mas que não invalida a tese de que ele é mais seguro que o Windows XP, por possuir mais controles de segurança que reduzem o dano que vulnerabilidades podem causar.

A esse recorde, pode-se adicionar o update MS10-070, liberado em setembro devido à sua gravidade, mas após o Patch Tuesday convencional. O problema era com o ASP.NET, uma falha que permitia o acesso a informações sensíveis e privilegiadas do PC por parte de criminosos virtuais. Assim, teríamos 16 atualizações no total.

Storms não deixa de lembrar, também, da vulnerabilidade dos arquivos DLL: “Não está claro se ela será corrigida. Teremos que esperar para ver se, e quando, a Microsoft solucionará essa questão”.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail