Home > Notícias

Microsoft lança Internet Explorer 10 para o Windows 7

PCs começarão a receber automaticamente uma atualização do navegador, que traz maior desempenho e melhor suporte aos padrões da web, nas próximas semanas.

Gregg Keizer, Computerworld EUA

26/02/2013 às 12h18

Foto:

A Microsoft lançou nesta terça-feira a versão final do Internet Explorer 10 (IE10) para o Windows 7. Usuários que instalaram o IE10 Preview serão os primeiros a receber o navegador, através de uma atualização automática via Windows Update. Quem ainda usa o IE9 receberá a atualização “nas próximas semanas”, segundo a empresa, que não deu mais detalhes sobre o cronograma.

A estréia do IE10 foi mais tardia do que o esperado pelos analistas. Quando o navegador foi anunciado em Abril de 2011, poucas semanas após o lançamento do IE9, eles concluíram que a Microsoft estava adotando um cliclo de lançamentos anuais. Isto não aconteceu: o IE10 chegou quase dois anos após o IE9, que foi lançado quase dois anos após o IE8. Entretanto, rumores sobre um ciclo de desenvolvimento acelerado persistem.

Na semana passada o site chinês Win8China postou screenshots que seriam de uma atualização do Windows 8, atualmente conhecida pelo codinome Blue e que seria lançada em Agosto deste ano. Uma das imagens fazia referência ao IE11.

O IE10 é a primeira versão do navegador lançada desde que a Microsoft mudou sua política de atualizações no final de 2011. Em vez de esperar pela aprovação do usuário antes de atualizar o software a Microsoft adotou um sistema de atualizações “silenciosas” como no Google Chrome, e automaticamente instala a versão mais recente do navegador de acordo com o sistema operacional na máquina. O IE10 só roda no Windows 7 e Windows 8. Usuários do Vista estão presos no IE9, assim como os do  Windows XP estão no IE8.

Embora a Microsoft esteja destacando o desempenho e melhor suporte aos padrões da web no IE10, o recurso mais divulgado no navegador tem sido a opção de privacidade “Do Not Track” (DNT), que vem ativado por padrão. A decisão causou furor na indústria de publicidade online e entre grandes anunciantes como a Coca-Cola, e alguns dos maiores sites da Web, como o Yahoo!, não só fazem objeção ao recurso como decidiram que não irão respeitá-lo.

O Worldwide Web Consortium (W3C), organização que define os padrões em vigor na web, está de mãos atadas frente à decisão unilateral da Microsoft. Até hoje era fácil para os oponentes ignorar o sinal DNT no IE10, já que o navegador rodava apenas no Windows 8. Mas a atualização automática de máquinas rodando o Windows 7 significa que em breve 700 milhões de PCs podem em breve estar enviando um sinal DNT.

O IE10 exige a instalação do Windows 7 Service Pack 1. Empresas podem impedir a instalação automática do navegador usado a ferramenta de bloqueio lançada pela Microsoft no início deste mês, ou usando ferramentas padrão de gerenciamento como o Windows Server Update Services ou Systems Management Server.

Usuários que não quiserem esperar pela atualização automática podem baixar o navegador manualmente no site da Microsoft.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail