Home > Notícias

Microsoft promete integrar Windows Phone 7, Xbox e PC usando a “nuvem”

Demos foram ponto alto de conferência que mostrou como fotos, músicas e games vão circular pela rede Windows Live.

Computerworld/EUA

13/07/2010 às 17h26

Foto:

Representantes da Microsoft descreveram, nesta terça-feira
(13/7), como os smartphones com Windows Phone 7 - a serem lançados ainda este
ano - funcionarão em rede com PCs com Windows 7 e consoles Xbox. Tudo integrado
por uma nova plataforma de nuvem Windows Live que, segundo a empresa, tornará a
experiência móvel mais fácil e poderosa tanto no trabalho como no lazer.

“Estamos de volta, e com algo muito diferente e bastante
inovador”, disse o vice-presidente sênior de comunicações móveis da Microsoft,
Andy Lees, referindo-se à combinação do Windows Phone 7 com o Windows Live. Ele
foi um dos palestrantes da Worldwide Partner Conference, evento realizado pela
Microsoft em Washington (EUA) que teve início do domingo (11/7).

Lees disse que a Microsoft se comprometeu com a promessa de
lançar o Windows Phone 7 em celulares a tempo para as compras de fim de ano.
Ele também prometeu aos desenvolvedores que as aplicações a serem escritas
funcionarão de forma “100% consistente” com um tamanho uniforme de tela e com
recursos disponíveis em aparelhos fabricados por HTC, Samsung, LG e Dell. Na
data do lançamento, os aparelhos estarão disponíveis em cinco línguas: inglês,
francês, italiano, alemão e espanhol.

Diversidade preocupante
O comentário sobre a consistência foi uma tentativa clara de
agradar a desenvolvedores – que, por sua vez, demonstraram preocupação com a
diversidade de recursos e formatos de hardware que caracterizam outras
plataformas, como a Android.

++++

Lees procurou usar o Windows Live para distinguir a
Microsoft - a empresa reconhece que as vendas de smartphones dobrarão nos
próximos quatro anos. “Será a primeira vez que o PC, o celular, a nuvem e o console
trabalharão em harmonia”, disse Lees.

O executivo listou várias aplicações que funcionarão de
forma integrada, como Office, Sharepoint, o software de mídia Zune e a
ferramenta de busca Bing, além do Facebook e de outras redes sociais.

A Microsoft vai lançar a plataforma Windows Live em paralelo
com o Windows Phone 7, dando a usuários de celulares, PCs e consoles acesso a
e-mail, agendas, fotos, serviços e à ferramenta de buscas Bing, anunciou a
empresa. Mais detalhes foram revelados numa nota, em blog oficial do Windows
Phone.

SkyDrive
Pela primeira vez a Microsoft disse que vai oferecer, via
Windows Live, 25 gigabytes grátis de armazenamento na nuvem, para o acesso a
informações compartilhadas entre a web e outros aparelhos.

O serviço, chamado SkyDrive, também vai hospedar o Find My
Phone (localize meu celular), um serviço para encontrar e apagar dados em
smartphones perdidos a partir do PC. A Microsoft publicou um link para o SkyDrive
com funções separadas para acesso a fotos e documentos.

Um porta-voz da empresa afirmou que a plataforma Windows
Live será diferente da plataforma de nuvem Studio, desenvolvida pela Microsoft
para a família de celulares Kin, que acaba de ser cancelada. A Studio tinha
foco no compartilhamento de fotos tiradas com um celular Kin, e no acesso a
tais fotos por meio de uma aplicação Silverlight rodando no PC.

++++

Lees pareceu ter tomado de empréstimo uma frase da Apple,
que descreveu seu iPad como um aparelho “mágico”, quando concluiu sua
apresentação dizendo que a Microsoft entregará “experiências mágicas e transformadoras
para consumidores... Esta será nossa melhor temporada de festas”, disse Lees,
referindo-se ao Natal de 2010.

O comentário final de Lees veio depois de uma exibição do
Xbox 360, que demonstrou como os movimentos de mãos e braços serão usados para
interagir com os videogames. Os jogos Xbox também poderão ser jogados a partir
de celulares com Windows Phone 7 ou PCs, disseram os representantes, com a
habilidade de ligar para um avatar de um jogo Xbox por meio do celular com
Windows Phone.

Oportunidade de negócio
Antes, Lees tentou assegurar aos desenvolvedores e parceiros
presentes no auditório que o Windows Phone 7 servirá “para negócios e para o
consumidor, e será uma grande oportunidade para vocês... Se vocês desenvolverem
programas e jogos e uma linha de aplicativos de negócio”.

Além da integração com o Xbox, algumas das exibições
demonstraram, com base em um protótipo funcional, como o Windows Phone 7 se
conectaria com a nuvem para comprar uma música em formato MP3, encontrada na
web com um único clique, para então tocá-la no software Zune. Quando o celular for
encaixado em seu berço, ele também poderá sincronizar conteúdo de forma
automática com um PC com Windows 7, disseram os representantes.

++++

O Windows Phone 7 funciona com base no conceito de “tiles” (peças
ou ladrilhos), dispostos em hubs (concentradores), que por sua vez são
organizados em grupos – como um hub de música e vídeo, outro para games, outro
para aplicações e até um hub para informações corporativas.

Em outra demonstração, o demonstrador Augusto Valdez, da
Microsoft, mostrou como uma apresentação PowerPoint poderia ser recebida, via
conexão sem fio, pelo protótipo com Windows Phone 7, editada no próprio
aparelho e gravada na nuvem.

Em outra demonstração, Valdez recebeu uma sugestão de reunião
para determinado dia, que apareceu na tela como um conflito de datas visto que
havia outro compromisso no mesmo dia e horário (o próprio evento da Microsoft).
Com um clique, Valdez abriu sua agenda para identificar o conflito e, da mesma
janela, digitou uma mensagem para seu colega, dizendo que não poderia
comparecer ao compromisso - sem ter de abrir o Messenger ou a agenda
separadamente.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail