Home > Notícias

Microsoft responde à crise e reduz equipe do Live Labs

Metade dos funcionários irá para outros projetos. Restante focará em buscas

The Industry Standard / EUA

13/04/2009 às 9h16

Foto:

A Microsoft respondeu à crise econômica global diminuindo metade da equipe do Live Labs. Os funcionários serão realocados para outros projetos da companhia. A outra metade que continuará na divisão de pesquisa de novos serviços e produtos vai focar apenas em busca, a área que provavelmente oferece à Microsoft maior espaço para crescimento de receita.

A Microsoft não é a única companhia interrompendo seus projetos de novas tecnologias. O Google desligou seu mundo virtual Lively em novembro e o Yahoo descontinuou o Y!Live em dezembro. O projeto com maior potencial do Live Labs é o PhotoSynth, um serviço que relaciona os dados de múltiplas fotografias digitais para criar modelos tridimensionais.

Ainda não está claro o que acontecerá com os projetos em desenvolvimento, como o Photosynth, por exemplo. A equipe restante do Live Labs provavelmente trabalhará num modo de aumentar a busca da Microsoft com mais recursos visuais. Pelo menos um projeto terá uma sobrevida após os cortes no Live Labs: em janeiro, o grupo abrirá o código do Web Sandbox, um serviço para desenvolvedores de páginas web.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail