Home > Notícias

Nas mãos da Apple, Siri ficou “uma porcaria”, afirma Steve Wozniak

Co-fundador da empresa diz que companhia arruinou o serviço, que era "incrível" antes de ser adquirido

Macworld/Reino Unido

15/06/2012 às 15h55

Foto:

O co-fundador da Apple, Steve Wozniak, atacou a Apple afirmando que a companhia arruinou o Siri. Woz revelou que, antes da aquisição feita pela companhia de Cupertino, o Siri era “bastante incrível”, contudo, desde que foi comprado, o assistente pessoal com reconhecimento de voz ficou “uma porcaria”. 

O co-fundador da Apple conversou com uma plateia em um encontro realizado em uma fazenda, na qual está investindo. Durante a palestra,  Wozniak disse, contudo,  que não estava tão feliz ao falar com o Siri ultimamente. “Muitas pessoas chamam Siri. Eu chamo de porcaria. Estava utilizando ele para fazer reservas muito antes da Apple comprá-lo” atacou o executivo, de acordo com o Times Union. Vake lembrar que o assistente pessoal funcionava por um outra empresa, e que tinha seu aplicativo próprio na App Store. Com a compra feita pela Apple, o recurso passou a ser proprietário.

Woz garante que, antes da Apple comprar o Siri, o serviço conseguia fornecer resultados ótimos e que era “incrível”. “Esses era o futuro: conversar com máquinas normalmente, como se estivesse falando com um ser humano, e o Siri era o melhor programa”. Todavia, desde que a Apple colocou as mãos nele, o serviço foi ladeira abaixo.

“Estou muito desapontado, mas esse ainda é um mercado para o futuro. Penso que o reconhecimento de voz de todas as plataformas irá melhorar mais e mais ao costurar sentenças e frases” atacou Steve. 

 

sirilogo01.jpg
Para Co-fundador da Apple, Siri não passa de uma "porcaria"

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail