Home > Notícias

Na TV, criador do Facebook tenta se distanciar de imagem de “vilão”

No programa "60 minutes", Mark Zuckerberg agiu de forma simpática para contrapor o filme "A Rede Social", que mostra polêmica criação do site.

PC World / EUA

07/12/2010 às 11h40

Foto:

Se você está buscando por uma boa dose de simpatia, dê uma olhada na entrevista do fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, no famoso programa “60 minutes”, da rede norte-americana CBS.

A reportagem em si não traz muitas revelações, com exceção de uma rápida conversa sobre as renovadas páginas de perfis, anunciadas formalmente no último domingo, 5/12. A entrevistadora Lesley Stahl discute diversos tópicos, como cultura da companhia, crescimento e aspirações do site, questões de privacidade, processos judiciais e o filme “A Rede Social”, sobre a criação do Facebook, em cartaz desde o último dia 3 nos cinemas brasileiros.

Como observa Mike Isaac na revista Forbes, “o chamado ‘CEO de passo incerto’ está crescendo”. Até mesmo Stahl, do “60 minutes”, nota que Zuckerberg está mais confiante e propenso a sorrir.

Isso é importante se Zuckerberg quiser vender sua visão de um Facebook que chegue a todos os cantos da Internet, de informações locais e notícias até games e e-mail. Quando você está vendendo a ideia de tornar mais sociais todas as interações na web, ajuda ser uma pessoa extrovertida. O retrato de Zuckerberg em “A Rede Social” como um empreendedor frio provavelmente não ajudou em nada, e o CEO do site estava obviamente tentando se distanciar da imagem de sua versão em Hollywood (interpretada pelo ator Jesse Eisenberg, de “Lula e a Baleia”).

Mas isso não quer dizer que Zuckerberg baixou a guarda durante o programa. Ele evitou dizer exatamente que o Facebook quer, de acordo com as palavras de Stahl, “dominar a Internet”. Em vez disso, ele notou que mais companhias vão querer tornar seus produtos sociais, e afirmou: “A resposta é que queremos ajudar outras pessoas a construir muitos desses produtos.”

Para saber mais sobre “A Rede Social”, confira nossa crítica (http://migre.me/2M0gr) sobre o novo filme que tem direção de David Fincher (“Clube da Luta” e “Seven”).

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail