Home > Dicas

Tudo o que você precisa saber antes de comprar o iPad 2

Guia ajuda a solucionar dúvidas como capacidade de armazenamento ideal, Wi-Fi ou 3G, e até se vale a pena esperar pelo iPad 3 em 2012

Macworld / EUA e Redação Macworld Brasil

02/12/2011 às 15h46

Foto:

 O tablet da Apple é o líder absoluto do mercado e sua segunda geração trouxe importantes melhorias sobre o produto original. Apesar da concorrência estar cada vez melhor, o iPad 2 continua sendo uma ótima opção de tablet, seja pela sua estabilidade, preço ou pela enorme quantidade de aplicativos disponíveis. Confira, abaixo, as principais questões a avaliar antes de colocar a mão no bolso neste Natal para comprar o tablet da Apple.

Quanto de armazenamento?

O iPad 2 possui três capacidades diferentes de armazenamento: 16 GB (1.650 reais), 32GB (1.899 reais ) e 64 GB (2.199 reais ) - preços para modelos apenas com Wi-Fi (clique aqui para ver todos os preços praticados no Brasil e nos EUA. A quantidade de espaço que você vai precisar depende como planeja usar o tablet. 

 Você se enxerga armazenando boa parte da sua biblioteca de músicas e filmes no iPad? Se a resposta for sim, se prepare para um modelo com mais capacidade. Uma biblioteca de um usuário comum no iTunes pode ter em média entre 10 GB e 20 GB – vale lembrar que o serviço iTunes Match para armazenar músicas na nuvem ainda não está disponível no Brasil. Já um filme com definição padrão tem entre 700 MB e 1,4 GB, enquanto que títulos em HD possuem pelo menos 1GB.

 Também é bom levar conta a quantidade e o tipo de aplicativos que pretende ter no seu iPad. Os aplicativos  da App Store geralmente não ocupam muito espaço; normalmente não possuem mais de 50 MB. Mas é bom ficar de olho nos games, uma categoria que cresce cada vez mais no tablet. Os jogos mobile podem chegar a ter centenas de MB ou até passar de 1GB.

 Se você pretende usar o iPad para navegar na web, ver e-mails e mexer um número razoável de apps, o modelo de 16GB deve te atender de maneira tranquila. Se não, é melhor planejar comprar um modelo com mais capacidade, já que o tablet não possui capacidade de expansão. 

Leia também:

- Superteste com o iPad 2 - Mais rápido, leve e fino, iPad 2 supera modelo original e rivais

- 38 dicas para dominar o iPad 2


ipad2_cores.jpg

Wi-Fi ou 3G?

Só porque o iPad 2 possui três opções de capacidade, não pense que a sua seleção é limitada a três escolhas. Todos eles possuem a habilidade de se conectar com redes Wi-Fi, mas você também pode comprar modelos de 16 GB, 32 GB ou 64 GB com a capacidade adicional de conexão 3G – esses modelos com 3G são desbloqueados e você pode escolher a operadora de sua preferência para o plano de dados.

Assim como na primeira pergunta sobre armazenamento, você deve basear sua decisão sobre conectividade em como planeja usar o iPad. Se você vai ficar mais na sua casa ou limitar o uso do seu iPad para locais onde tenha acesso Wi-Fi, os modelos mais baratos (apenas com Wi-Fi) são a melhor escolha. Por outro lado, se espera viajar ou ficar muito tempo fora com o iPad, vale a pena gastar um pouco mais em um modelo com conexão 3G. 

Vale lembrar que se você também tiver um iPhone, é possível usar as capacidade de tethering (compartilhamento de Internet) do aparelho para conectar seu iPad à uma rede, assim você usa o 3G do celular no tablet que tem apenas conexão Wi-Fi. 

Você pode ter que pagar por tethering no seu plano do iPhone, mas dependendo do valor ainda assim será mais barato do que pagar separadamente por um plano 3G para o iPad. Além disso, o tethering do iPhone pode funcionar com qualquer aparelho com capacidades Wi-Fi, incluindo seu notebook.

Por último, é bom levar em conta que se você quiser usar um app de navegação GPS com a tela maior do seu iPad, será preciso comprar o modelo 3G – apenas os iPads 3G possuem capacidades de GPS.

Vale a pena esperar pelo iPad 3?

A velha questão que atormenta toda compra relacionada ao mundo da  tecnologia – comprar agora ou esperar pela chegada de algo mais novo e melhor? – é pertinente para quem quer comprar um iPad, especialmente nesta época do ano. 

Apesar de o iPad ser um produto relativamente novo, a Apple seguiu um cronograma razoavelmente previsível nos últimos dois anos: o iPad original chegou às lojas dos EUA em abril de 2010 (e apenas em dezembro no Brasil), enquanto que o iPad 2 foi lançado em março de 2011 nos EUA (e no final de maio por aqui). Isso significa que se você comprar um iPad agora, pode ver a Apple lançar um modelo apenas daqui a alguns meses.

Até o momento, a Apple não anunciou nada sobre um possível iPad 3 para o primeiro trimestre de 2012. Por isso, não há uma resposta definitiva para o dilema “comprar ou esperar”. Além disso, é uma escolha que pode ser melhor guiada pelos seus próprios desejos e necessidades. 

Pense se os recursos do iPad 2 atendem a todas as suas necessidades atuais - para isso, confira nosso review completo do aparelho. Se a resposta for positiva, vale a pena comprar o tablet agora e já entrar em 2012 de gadget novo. 

Além disso, o aparelho tem um bom mercado para revenda no Brasil, o que pode ajudá-lo na hora de juntar dinheiro para adquirir uma versão mais recente (principalmente para quem comprar nos EUA). Finalmente, sempre haverá a "sombra" de um novo modelo esperando para chegar ao mercado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail