Home > Notícias

NET transmitirá TV por assinatura no iPad

Empresa testou funcionalidade durante a ABTA 2010 e pretende migrar seu conteúdo para outros dispositivos móveis

Cauê Fabiano, Macworld Brasil

11/08/2010 às 19h00

Foto:

Durante o congresso da ABTA 2010 (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura), a NET apresentou um aplicativo que poderá transferir a programação da TV por assinatura em alta definição para dispositivos móveis, como o iPad, via Wi-Fi.

Inicialmente criado para iPhone e iPad, o aplicativo experimental está sendo desenvolvido em parceria com a Cisco e com a própria Apple, e tem como objetivo trazer portabilidade para os clientes de televisão a cabo em alta definição.

Márcio Carvalho, diretor de produtos e serviços da NET, explicou que o iPad é o foco nesse processo por causa da interface avançada e dos atributos que oferece. “O iPad está inserido no conceito de tablet que pode ser usado dentro e fora de casa. É uma demanda do consumidor assistir televisão em qualquer lugar.” 

 

ipadnet01.jpg

Márcio Carvalho, diretor de produtos da NET, apresentou a novidade durante a ABTA 2010

Via Wi-Fi, o aparelho se conecta ao decodificador do cliente, e tem acesso ao servidor da empresa, podendo usar o dispositivo móvel tanto para ter acesso ao streaming quanto para acionar recursos adicionais. “Será possível utilizar o iPad como controle remoto interativo, que consegue agendar a programação, ou mesmo para assistir vídeos nele”, disse Carvalho. Além disso, o aplicativo permite que o cliente recomende programas a outros usuários do serviço, e envia um alerta instantaneamente, que é visualizado no iPad, juntamente com um botão para acessar a dica.

O sistema de armazenamento funcionará em computação em nuvem, nos próprios servidores da NET. Com isso, o usuário não precisa se preocupar com o espaço no HD para guardar seus programas favoritos. Também por causa do tamanho e da qualidade desses arquivos o recurso não será disponibilizado para conexões via 3G. Para Márcio Carvalho, um dos grandes obstáculos do serviço é a forma como o DRM (Digital Rights Management) será inserido no arquivos.

 

ipadnet02.jpg

Portabilidade: além de controle remoto inteligente, o objetivo é levar a TV em alta definição a qualquer lugar com Wi-Fi

 Não há previsão de quando o serviço estará disponível no Brasil ou qual será a média de preço cobrada pela companhia. Apesar disso, Carvalho tem metas definidas para que o recurso futuramente esteja disponível em mais locais além da casa do cliente. “É um projeto embrionário. O iPad é muito novo, o decodificador é novo, há questões negociáveis de como isso será transmitido com o DRM e de como entregar essa tecnologia em qualquer lugar com Wi-Fi; essa discussão ocorre não só no Brasil, mas é uma discussão mundial e tecnológica sobre isso” completou. 

A ABTA 2010 acontece entre os dias 10 e 12 de agosto, no Transamérica Expo Center. O credenciamento é gratuito mas é restrito a profissionais do mercado. Para acessar o portal e ter acesso à programação do evento, basta clicar aqui (http://migre.me/144zM). 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail