Home > Notícias

Netbooks fazem Microsoft faturar menos com Windows

Mininotebooks canibalizam receita com versões "premium" do sistema operacional.

Redação do IDG Now!

29/05/2009 às 19h04

Foto:

Os netbooks - lapotps ultraportáteis, voltados para navegar pela web, checar e-mails e outras tarefas - estão fazendo com que a Microsoft fature menos com o sistema operacional Windows. Por isso mesmo, não é do interesse da companhia "vender muitos desses portáteis", disse Stephen Baker, analista do NPD Group, empresa de pesquisa de mercado especializada em vendas no varejo.

"Eles (a Microsoft) amam os netbooks, contanto que eles sejam laptops secundários", disse. Uma das explicações é que, apesar de os netbooks terem mantido a demanda por computadores em alta nos últimos trimestres, esses equipamentos também usam versões mais simples - e baratas - do sistema operacional. A maioria dos netbooks à venda hoje sai de fábrica com o Windows XP Home, pois não têm capacidade de rodar o Vista, por exemplo.

De acordo com o site TechARP.com, a companhia preparou versões específicas - e com menos recursos - do Windows 7, voltadas especialmente para os netbooks, que segundo a Microsoft são computadores com processadores de velocidade inferior a 2 GHz e 1 GB de memória RAM. Com isso, quem precisar de outras funções terá que comprar um computador "completo" e com uma versão "premium" (e mais cara) do Windows 7.

No mês passado, a companhia reconheceu que a receita da divisão Windows no primeiro trimestre deste ano despencou 16% em relação ao mesmo período do ano passado. Apenas as vendas das versões “premium” do sistema operacional registraram queda de 14 pontos percentuais na comparação ano a ano.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail