Home > Notícias

New York Times volta renovado ao iPad

Aplicativo muda de formato, mas continua com assinatura paga; concorrente New York Post lança app semelhante com preço cerca de três vezes menor

Computerworld / EUA

15/10/2010 às 16h14

Foto:

Um dos jornais mais famosos do mundo, o New York Times, atualizou hoje seu aplicativo nativo para iPad, e declarou que o acesso dos leitores ao conteúdo digital começará a ser cobrado a partir do começo do ano que vem. 

Na última quinta-feira, o New York Post, veículo concorrente do Times, lançou o próprio aplicativo para o tablet da Apple, oferecendo assinatura anual pelo preço de 75 dólares. 

Ao contrário do aplicativo da Editor’s Choice (que foi substituído), o novo app do NYT para iPad permite aos usuários registrados navegarem e lerem artigos e blogs das mais de 25 seções do periódico. A versão antiga oferecia somente conteúdo selecionado de algumas seções.

O cadastro por enquanto é gratuito, mas o acesso vai ser cobrado no começo de 2011, quando o aplicativo será transportado para um modelo pago, de acordo com o jornal. Uma porta-voz do Times optou por não falar sobre os preços de assinatura, completando que o jornal deve emitir uma nota sobre isso futuramente.

O New York Times cobra atualmente 240 dólares pela versão digital de todas as edições, ou 180 dólares para a assinatura cinco vezes por semana. 

nytipad.jpg

Nova versão do app ainda não tem preço de assinatura definido para 2011

Na última quinta-feira, o New York Post, que faz parte da gigante News Corp, conglomerado de Rupert Murdoch, lançou um app de 2 dólares para iPad que dá acesso gratuito ao jornal por 30 dias. Após esse período de teste, os usuários podem escolher  um plano de assinatura com preços que variam de 7 dólares por mês a 75 dólares por ano. A edição do Post para iPad inclui acesso a parte do conteúdo do jornal em papel, incluindo as notícias, Page Six, opinião, esportes e as seções de negócios. 

Em janeiro desse ano, o New York Times anunciou que no começo de 2011 iria lançar o que foi descrito como um “modelo metrificado” do website da companhia. Seguindo essa lógica, os leitores teriam acesso a um número definido de artigos por mês, mas que poderia aumentar mediante pagamento. O veículo britânico Financial Times usa um modelo parecido. 

O aplicativo do Times para iPad e as intenções de colocar o conteúdo do tablet dentro de uma condição paga fazem parte da iniciativa anunciada no início de 2010. Ainda é incerto quantos leitores, que, com poucas exceções, possuem acesso gratuito a notícias na Internet, irão pagar para acessar jornais na tela do computador ou em dispositivos móveis como o iPad e smartphones. 

nypipad.jpg

New York Post oferece aos leitores assinatura anual do periódico por 75 dólares 

De acordo com uma pesquisa da empresa Nielsen divulgada no fim do ano passado, 42% dos consumidores de todo mundo pagaram ou admitiram que pagariam por acesso a jornais online. Geralmente, de acordo com o levantamento, os consumidores tendem a gastar dinheiro em conteúdos que são pagos – como música, filmes e games – do que com aquilo que normalmente é gratuito. 

Tanto o aplicativo do New  York Times quanto do New York Post podem ser baixados na iTunes Store, da Apple.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail