Home > Notícias

No Brasil, Facebook e Orkut tem visitantes com perfis diferentes

Ranking dos mil sites mais visitados em abril mostra informações sobre usuários de cada serviço, como sexo, idade e escolaridade.

Ricardo Zeef Berezin, do IDG Now!

28/05/2010 às 18h22

Foto:

Um relatório do Google com os mil sites mais visitados no mês de abril permite fazer comparações bem interessantes sobre o perfil dos visitantes – não necessariamente usuários registrados – das principais redes sociais no Brasil: Orkut, Facebook e o microbloging Twiiter.

Cruzamos os dados de quem acessa o Orkut com os de outras redes sociais, como Facebook e Twitter – afinal, eles têm crescido muito no Brasil. Logo de primeira, percebe-se que os dois últimos são muito parecidos. Portanto, ao falarmos do primeiro (Facebook), saibam que o microblog está na mesma situação.

Pois bem: o Facebook teve 5,1 milhões de visitantes únicos brasileiros, um quarto dos que acessaram o Orkut e quase a mesma quantia de visitas ao Twitter. Algo previsível, diga-se. E outras disparidades surgem ao observar as demais informações.

O gênero, por exemplo. No Orkut, a divisão é rigorosa com metade para cada sexo. No Facebook, não: 64% dos visitantes são homens; 36%, mulheres.

Na rede social mais usada no Brasil, 54% dos brasileiros têm até 17 anos e só 11% entre 35 e 44. No Facebook, esses números são de 33% e 18%.

O grau de escolaridade é a estatística com maior discrepância entre um e outro. No Orkut, 28% estão na universidade ou já completaram o nível superior. Já no Facebook, 54% estão nessa situação.

Quanto aos sites de onde os visitantes vieram ou para qual foram, no Orkut vemos portais como Vostu.com (clima de Copa do Mundo), Recados.net e Netshoes. No Facebook, há o da Livraria Cultura, o Guia da Semana e o Cinemark.

Números enormes

Em termos globais, considerando que o estudo exclui alguns portais que o próprio Google possui, como o YouTube e o seu buscador, não é nenhuma surpresa que o Facebook seja o líder, tanto em visitantes únicos (540 milhões) quanto em page views (570 bilhões). Este segundo dado é o mais impressionante: se o compararmos ao Yahoo, que vem logo em seguida no ranking, vemos que o Facebook tem 500 bilhões a mais de page views, mesmo que a diferença de usuários únicos entre eles seja bem menor, “apenas” 50 milhões.

É importante ressaltar que esses números são estimados. O Google até diz qual é o método utilizado para a pesquisa, mas a explicação é, para se dizer o mínimo, obscura:

“As estatísticas de tráfego são estimadas a partir da combinação dos dados dos usuários de diversos serviços do Google com as medições conduzidas por sites específicos”.

Ou seja, se quase a totalidade dos usuários usam os serviços da empresa, por que não usá-los como referência para seus estudos?

O mais intrigante, porém, são as informações específicas – e vai saber como o gigante das buscas consegue coletá-las. Por exemplo, ao se clicar em algum portal listado pela pesquisa, vê-se os principais interesses das pessoas que visitaram tal página e de que sites elas vieram ou para qual foram. No caso do Facebook, temos, como interesses principais, “hackear e crackear”, “educação” e “redes sociais”, e, quanto aos sites de maior “afinidade”, Mafiawars.com e Zynga.com.

Podemos, também, limitar por país, restringindo ainda mais os dados. Ao pesquisar sobre o Orkut (41º da lista), descobre-se que a rede social teve 45 milhões de visitantes únicos no mês de abril, 21 milhões de brasileiros e 16 milhões de indianos.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail