Home > Dicas

Notebook com problemas: melhor consertar ou comprar um modelo novo?

Esta é uma questão que cedo ou tarde você terá de enfrentar; conheça as alternativas e como fazer a escolher mais adequada.

James A. Martin, da PC World/EUA

22/10/2008 às 18h04

arrumar_ou_comprar_150.jpg
Foto:

arrumar_ou_comprar_150Você se lembra da primeira cena da Noite dos Mortos Vivos? Uma mulher jovem e seu irmão estão visitando a tumba do avô no cemitério. Um cara horripilante se aproxima, e os berros começam.

É assim que todos estão se sentindo nesses dias de crise financeira quando olham para seus investimentos e para o vaivém do mercado, das bolsas de valores e do dólar em alta: assustado, chocado, horrorizado.

Esse pânico extremo que se espalhou sobre a economia torna difícil se desfazer dos fundos que você ainda tem. Seja como for, os notebooks não têm nada a ver com seus problemas financeiros.

Outros destaques da PC WORLD: 
> Crise financeira: 7 downloads para controlar seus gastos
> Deu pau no HD. E agora? 
> Descubra se sua banda larga é larga mesmo
> Windows: 41 atalhos que você precisa conhecer
> Conheça as beldades que enfeitarão os games em 2009

Quando é para dar problema ou quebrar, eles simplesmente o fazem. Resta a você escolher a solução mais barata: Consertar o laptop ou comprar um novo?

Identifique o problema
Antes de tomar providências com relação a um notebook com problemas, procure saber com precisão qual é o problema. Às vezes um pouquinho de lógica dedutiva de senso-comum pode descobrir, e podem variar desde problemas que causam lentidão no computador e falhas relacionadas ao boot no Windows XP ou no Vista.

Se você não conseguir identificar o problema, pergunte e algum amigo ou parente entendido (ou mesmo ao pessoal de TI do seu trabalho) qual sua opinião. Você também pode levar seu computador a uma assistência técnica para uma avaliação, mas isso pode custar algum dinheiro. Algumas casas podem até isentá-lo do valor do orçamento caso contrate seus serviços.

Consertar ou trocar?
Ok. Você conseguiu um diagnóstico preciso do que está acontecendo com seu portátil E agora, como decidir se o conserto vale a pena? Responder a essas perguntas irá ajudá-lo:

Quanto custaria um novo laptop? Em tecnologia, há quem defenda a idéia de que se o custo do conserto for maior de que um terço do valor de um similar novo, é melhor investir numa máquina nova. Sendo um pouco mais conservador, se o custo for mais da metade de um notebook novinho, nem pense em consertar o antiga.

Eis uma outra maneira de olhar a questão: um notebook novo ofereceria pelo menos alguns recursos importantes ou benefícios extras que o portátil com problemas não tem.

Por exemplo, peso menor, bateria mais duradoura, uma webcam embutida ou modem para celular. E, claro, uma nova garantia de fábrica, que vai deixá-lo tranquilo por pelos menos 12 meses (verifique, no caso da compara de um portátil novo, quanto custa ampliar a garantia para pelo menos mais um ano - isso pode valer a pena).

Qual a idade de seu laptop? Alguns consumidores acham que gastar dinheiro para consertar um notebook de mais de 5 anos de vida não compensa. Se ele tem 'apenas' 3 ou 4 anos de idade, vale a pena arriscar - sem deixar de levar em conta o valor do conserto, claro. Modelos com um ou dois anos de vida sempre vale a pena. Mais novos do que isso, não titubeie: mande o equipamento para a assistência técnica. 

O problema é de fato relevante? Se a placa-mãe do notebook quebrou, isso é realmente muito sério, e é muito provável que o conserto não compense. Outros problemas, como um HD quebrado, também podem ser um desafio: pode não ser fácil localizar um HD substituto que caiba no chassi do su portátil, mas em geral a substituição desse componente é um investimento que compensa.

Tem certeza de que sua garantia não pode ser estendida? Há marcas de eletrônicos que ficaram conhecidos por oferecerem a opção de garantia estendida, que pode ser proporcionada pelo próprio fabricante ou por meio de uma parceria entre o fabricante, sua rede de assistência técnica ou até pela loja onde o equipamento foi comprado. Verifique nos documentos de compra se não fez tal opção ou se não pode optar por ela caso a garantia de fábrica original não tenha expirado há muito tempo.

++++

Há também benefícios que cobrem o conserto (ou parte dele) de equipamentos eletrônicos, oferecidos alguns cartões de crédito e até seguradoras. Talvez você já possua este benefício e não saiba.

Por isso, procure identificar todas as alternativas disponíveis (garantia de fábrica, garantia estendida, possíveis recalls, benefícios da loja ou cartão de crédito/seguro) antes de gastar com um possível conserto.

Se você optar pelo conserto…
Vamos supor que tenha chegado à conclusão que vale a pena consertar seu notebook. Ótimo – mas antes de entregá-lo à prestadora do serviço, faça uma série de perguntas:

Qual é a garantia oferecida para consertos? A assistência é obrigada - por lei - a oferecer pelo menos 90 dias de garantia para os consertos que faz, o que significa que ela irá fazer o conserto de novo durante esse período se necessário. Você pode até negociar, pedindo um período mais longo (pode ser que tenha de desembolsar um pouco mais por isso, mas pode valer a pena).

Quanto tempo vai durar o conserto? Pode ser que algumas assistências não consigam devolver seu laptop em uma semana - elas nem sempre têm em mãos as peças necessárias para o conserto e pode ser que dependa de importação - cujos prazos dependem de um grande número de fatores. Frente a isso responda rápido: você consegue ficar sem seu notebook todo esse tempo? A assistência não pode fornecer um laptop substituto enquanto conserta do seu? Dá pra conseguir algum emprestado?

Você já faz o backup do seu HD? Alguns serviços de assistência técnica fazem isso sem você pedir, ou eles podem cobrar pelo backup, antes de começarem o conserto. Mas para sua segurança, faça backup você mesmo de seus arquivos importantes antes de mandar o notebook para a assistência técnica.

A loja é segura? Essa pode parecer uma preocupação tola, mas absolutamente não é. Nem toda assistência técnica oferece uma logística de segurança física adequadada, o que a torna alvo fácil de ladrões. Pense na possibilidade de seu laptop ser roubado. E isso nos leva à próxima pergunta.

O que acontece se meu laptop for roubado ou danificado? Se você perceber algum dano que não havia em seu laptop quando o entregou à assistência, você tem duas opções: não retire seu computador da loja e exija que o problema seja resolvido; ou retire-o, exigindo observação - por escrito - sobre o dano na nota fiscal do serviço, para depois exigir o reparo por parte da loja.

Em caso de furto, faça um boletim de ocorrência (B.O.) e solicite que a loja faça o ressarcimento. Caso a assistência se recuse, leve o caso ao PROCON, juntando ao B.O. o canhoto da ordem de serviço que ficou com você para que as providências cabíveis sejam tomadas.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail